Finanças Pessoais

5 hábitos que te deixam mais pobre!

Mulher triste simbolizando o tema hábitos que te deixam mais pobre
Isabelle Lima
Escrito por Isabelle Lima

Se você pratica algum deles, é hora de encarar o desafio e mudar isso. Não é fácil, mas é possível.

5 hábitos que te deixam mais pobre!

Banner convidando para o site do Mobills

Cortar gastos, economizar e investir é, de fato, o caminho para a riqueza, mas no meio do percurso a gente se depara com vários desafios, e alguns deles são hábitos que estão nos impedindo de seguir essa jornada de uma forma mais eficiente.

Estes costumes errôneos nos afastam mais e mais da tão sonhada tranquilidade financeira. Por isso, é preciso muita disciplina e força de vontade para mudar esses maus hábitos.

Pensando nisso, separamos 5 hábitos financeiros que te deixam mais pobre e também explicamos como você pode reverter essa situação.

Conheça os 5 hábitos que te deixam mais pobre

 

Hábito 1: Não ter objetivos definidos

flecha atingindo o seu objetivo

Crie objetivos e metas para conquistar tudo que sempre quis!

O primeiro hábito é “Não ter objetivos definidos”. Quem tem esse hábito não sabe o quanto está perdendo! Isso é algo muito poderoso e um super aliado para uma vida mais rica e de realizações.

Saber o que quer conquistar e realizar é fundamental para traçar um plano e chegar lá. Te ajuda a economizar, juntar mais dinheiro, te dá motivação no dia a dia e muito mais.

Nada melhor do que o gostinho de realizar alguma coisa, mas pra isso é preciso saber o que quer, ter isso bem definido e correr atrás.

Caso você tenha dificuldade na hora de definir seus objetivos, tente sonhar mais e deixar a imaginação fluir.

Se você gostaria muito de realizar algo, mas acredita que não pode, mande esse pensamento pra longe e apenas confie em si mesmo e no seu potencial.

As pessoas vivem reclamando que não têm dinheiro para isso ou para aquilo.

Entretanto, se você definir um objetivo de que a 2 anos vai estar na Disney conhecendo todos aqueles parques fantásticos e lutar por isso, então é lá que você vai estar, pois com força de vontade, metas definidas e controle do seu dinheiro, tudo que você sempre quis conquistar vai ser possível.

Não deixe o medo e o desânimo te vencerem! Você pode, basta acreditar!

Escreva seu objetivo em algum caderno ou no seu celular, mesmo que pareça impossível. Se o objetivo for muito grande, divida-o em pequenos objetivos e foque em etapas.

Analise sua rotina e seus hobbies, talvez a vida esteja tão corrida que nem te permite mais sonhar e você até já esqueceu do que gosta de fazer, então é hora de lembrar da sua infância e listar o que você gostava muito de fazer, isso com certeza vai te trazer alguns insights.

Lembre-se, ainda, de não perder o foco!

APRENDA COMO DETERMINAR E ALCANÇAR SEUS OBJETIVOS FINANCEIROS

Hábito 2: Começar e nunca terminar

bloco de anotações e ao lado vários papéis amassados simbolizando desistência

Você não tem noção o quanto esse hábito te atrapalha financeira, profissional e pessoalmente.

O segundo hábito é “Começar algo e não terminar”. Provavelmente você não tem noção do quanto isso te prejudica de diferentes formas!

Além de estarmos perdendo tempo começando várias coisas e abandonando pelo caminho, estamos desperdiçando dinheiro sem sair do lugar.

A gente pode mudar de ideia? Sim, com certeza, isso é super normal, mas se você costuma largar na metade mais do que terminar o que começa cabe um grande alerta aqui, pois você está ficando cada dia mais pobre.

Esse hábito pode te prejudicar até profissionalmente. Ninguém vai querer trabalhar com alguém que nunca termina o que começa. Um bom profissional tem metas traçadas para cumpri-las.

Tudo bem perceber que outra ideia pode ser feita, mas sempre?

Se você for funcionário seu chefe ficará irritado, pois prejudica seu desempenho e de certa forma o da empresa. Se você for o chefe, estará induzindo seus funcionários que serão prejudicados e consequentemente a empresa também.

Pessoas indecisas sofrem com isso frequentemente e por mais que seja difícil mudar velhos hábitos, a necessidade requer sacrifícios.

Evite começar muitas coisas ao mesmo tempo. Se tem dúvidas do que gosta ou se quer realmente fazer aquilo, faça algumas aulas, teste, prove, experimente seja lá o que for antes de assumir de fato um compromisso.

Só se comprometa quando estiver se sentindo empolgado ou confiante com a escolha.

E mesmo se no meio do caminho der vontade de parar, resista e siga em frente. Às vezes é muito melhor algo feito mesmo que tenha sido um pouco sem vontade do que ter vários incompletos.

Óbvio que você não é obrigado a nada, mas pense bem, se você tem a tendência de mudar sempre de ideia, é indeciso e com frequência se pergunta o que quer fazer, insistir um pouco naquilo não faz mal, né? Pode até ser a chave do problema.

Tudo serve de experiência e nossas maiores realizações vem da junção de tudo que realizamos ao longo da nossa vida.

A verdade é que nem sempre teremos certeza e até mesmo quando pensamos que temos, a vida muda, a gente muda e a certeza deixa de ser tão certa assim. Então, encare seus desafios até o fim e com certeza isso te deixará mais rico.

COMO MANTER O FOCO, FAZER O QUE É NECESSÁRIO E TER SUCESSO

Hábito 3: Viver se comparando

um homem que tem pouco dinheiro e outro homem que tem muito dinheiro

Pare de se comparar com os outros, pois isso não é saudável nem para você mesmo nem para sua vida financeira.

O terceiro hábito é “Viver se comparando”.  Acho que todo mundo em algum momento da vida se comparou com outras pessoas de uma forma negativa. “Se ele tem, por que eu também não tenho?”

Esse hábito é capaz de nos paralisar, nos colocar pra baixo de uma forma muito poderosa, além de ser super injusto.

Não existe uma comparação que de fato seja real. Não importa quão parecida a história da pessoa com a qual você está se comparando seja com a sua, nunca será igual e você nunca saberá exatamente o que ela passou de verdade pra chegar onde chegou.

Esse costume é muito presente no nosso mundo de hoje; as mídias sociais vieram para nos fazer acreditar que sabemos exatamente tudo sobre a vida das pessoas, mas a vida real é bem diferente. Portanto, não se compare!

Talvez esse seja um dos hábitos que mais vai exigir de você. É uma rotina de policiamento. Evite seguir pessoas, como famosos, no Instagram, porque muitas vezes ao invés de te inspirar isso acaba te deixando frustrado e mal consigo mesmo.

E aí fica a dúvida: Por que você fica mal consigo mesmo? Siga a sua vida e lute para conquistar tudo o que sonhou. Ficar se comparando e lamentando não vai te levar a lugar nenhum!

Vamos fazer um exercício? Faça seu caderno da gratidão, para você sempre lembrar e agradecer o que já tem de bom.

Pode ser que você não tenha chegado naquele determinado ponto que você deseja, mas o que importa de verdade é valorizar sua jornada e perceber que dentro de suas possibilidades você está um pouco melhor a cada dia.

Ninguém é melhor do que ninguém e lembre-se sempre: As pessoas só postam aquilo que querem mostrar, ninguém gosta de conversar sobre suas derrotas.

Hábito 4: Responsabilizar os outros pelos seus problemas

várias pessoas apontando o dedo para outra

Não culpe os outros pelo o que aconteceu com você.

O quarto hábito é “Responsabilizar os outros pelos seus próprios erros”. Você sabia que em nenhum momento nada do que aconteceu na sua vida foi culpa de outra pessoa?

Até mesmo as piores coisas que aconteceram não devem ter culpados. Todos passam por situações agradáveis e outras que causam dor, mas isso nada mais é do que causa e efeito.

O que acontece quando resolvemos culpar alguém por algo dolorido que ocorreu conosco? Ficamos presos naquele acontecimento e deixamos de tirar o aprendizado que há em cada situação, especialmente as mais desafiadoras.

Nos colocamos na posição de vítima e não agimos para resolver e superar. Muitas vezes ficamos remoendo aquela dor e isso só nos deixa cada vez mais pobres.

Aprenda a perdoar, a enxergar todas as coisas que acontecem na tua vida como parte da sua jornada e do seu aprendizado.

A pessoa que supostamente é a culpada foi apenas uma ferramenta usada para que você possa tirar uma lição positiva disso tudo, e sair dessa ainda mais forte e preparado.

Faz parte nos magoarmos, ficarmos tristes e tudo mais. Apenas tente superar e desapegar, porque muitas vezes a pessoa que você ainda tem raiva já está seguindo a vida e você ainda sofrendo e com a vida estagnada.

Supere esses desafios por você! A melhor coisa é saber que você apenas tropeçou, mas não desistiu. Se levantou e seguiu em frente. Você escolhe se permanece no chão ou se levanta ainda mais forte.

Hábito 5: Mínimo esforço ou só o que é pago para fazer

pessoa deitada no sofá enquanto mexe no notebook

Por que fazer só o necessário se você pode fazer mais e se destacar?

E chegamos ao nosso quinto hábito que empobrece “Mínimo esforço ou só fazer o que é pago para isso”. Difícil enriquecer agindo dessa forma.

Esse comportamento de fazer só o básico, o mínimo e o necessário não vai fazer você se destacar, enriquecer e conseguir oportunidades únicas, pois para conseguir tal ato você precisa sair dessa mesmice.

Os melhores lugares estão reservados para quem topa pagar o preço e se destaca da multidão, e para isso é necessário entregar mais do que se espera; é encarar suas atividades com responsabilidade, criatividade e ter iniciativa.

Enquanto seus colegas estão reclamando do chefe, da política, do país, da vida, você está buscando soluções. Quando todos estão doidos pra sair mais cedo, você está resolvendo problemas e finalizando projetos.

Você só vai chegar aonde quer se correr atrás e se esforçar! Nada cai do céu e principalmente dinheiro, né? Tenha em mente que seu futuro depende disso.

7 DICAS PARA QUE VOCÊ CONSIGA AUMENTAR O SEU SALÁRIO EM POUCO TEMPO

Conclusão

Esses são os 5 hábitos que te deixam mais pobre e que, com certeza, estão te impedindo de alcançar todo resultado que você merece.

Se você pratica algum deles, é hora de encarar esse desafio e mudar isso. Não é fácil, mas é possível. Vai levar um tempo, mas quanto mais rápido começar, mais rápido verá os resultados.

Caso você não cultive nenhum desses hábitos, primeiramente parabéns! Porém, tenho certeza que você conhece alguém que tenha pelo menos um deles. Então, compartilhe esse artigo com ele!

E então, vamos transformar esses hábitos em hábitos que enriquecem?

Agora, veja o vídeo da nossa parceira Maiara Xavier para o nosso canal no Youtube sobre os 5 hábitos que te deixam mais pobre.

*****

LEIA TAMBÉM:

Como priorizar e economizar para diferentes objetivos

O porquê da inércia ser sua maior inimiga financeira

Resenha Os Segredos da Mente Milionária

*****

Banner convidando para o site do Mobills

Comentários