Economizar

20 formas de economizar água

Mão com 'help' na água simbolizando o tema Formas de economizar água
Ariane Lopes
Escrito por Ariane Lopes

Sua conta de água está muito cara? Saiba como evitar o desperdício e veja atitudes que irão contribuir tanto para poupar água quanto o seu dinheiro.

20 formas de economizar água

Banner convidando para o site do Mobills

Economizar água não trata apenas de valores monetários, é acima de tudo uma questão ambiental.

Por isso, listamos para você 20 formas de economizar água, reforçar sua contribuição à natureza e, ainda, poupar uma graninha no final do mês. Confira nossas sugestões!

Formas de economizar água

 

1. Tome banhos rápidos

Uma ducha de 15 minutos gasta 135 litros de água, segundo a Manaus ambiental. Banhos rápidos de 5 minutos são suficientes para garantir tanto a limpeza quanto a economia de água.

2. Feche o chuveiro sempre que possível

Nos intervalos do banho: na hora de ensaboar o corpo ou lavar os cabelos, feche o chuveiro e só abra no momento do enxágue.

Isso pode diminuir o consumo de 180 para 48 litros por banho, segundo dados de pesquisas realizadas pelas empresas de distribuição de recursos hídricos.

3. Feche bem a torneira

As torneiras também podem ser vilãs na luta contra o desperdício de água, feche-as bem sempre que não estiver usando a água, por exemplo, na hora de fazer a barba ou enquanto está escovando os dentes.

Outra forma de desperdício bastante comum é quando deixamos a torneira pingando, esse pequeno escapamento de água é responsável pela perde de mais de 16 mil litros de água por ano, de acordo com especialistas.

15 DESPESAS MENSAIS PARA CORTAR E ECONOMIZAR DINHEIRO

4. Preste atenção nos vazamentos

Verifique se seu vaso sanitário, ducha, torneiras ou chuveiro não apresentam vazamentos. Por menores que sejam, como no caso do gotejamento das torneiras, ao final de um período longo (como um ano) os valores desperdiçados são consideráveis.

Segundo dados de pesquisas realizadas pela Companhia de saneamento Básico do estado de São Paulo (Sabesp), os números podem chegar a 96 mil litros de água por mês quando o vazamento é causado por um buraco de 2 milímetros em um cano.

5. Detecte vazamentos invisíveis

Caso sua conta de água tenha aumentado de maneira drástica e misteriosa, desconfie! Muitos vazamentos não são externos e facilmente detectáveis.

Por isso, existem empresas especializadas em encontrar esses escapes de água, elas usam equipamentos chamados de “geofones eletrônicos”, que permitem que o profissional escute o som de água vazando ao colocá-lo em contato com paredes e pisos.

Há ainda equipamentos que permitem descobrir escape de água, como o de pressurização para micro vazamento.

6. Use a descarga com consciência

Se você ainda não possui uma descarga ecológica com duplo acionamento, você pode controlar o tempo e a pressão exercidos sobre a descarga. Vale ressaltar, que esse sistema pode ser instalado tanto para descargas na parede quanto para caixas acopladas.

As válvulas comuns gastam, em média, 12 litros por descarga em vasos sanitários com caixas acopladas e 10 litros nos casos em que há válvulas nas paredes.

Pela tecnologia do duplo acionamento gastar 3 ou 6 litros, dependendo do botão acionado, ela é a mais recomendada por especialistas para quem quer economizar na conta de água.

7. Limpe antes de lavar

É importante tirar os restos de comida das louças e deixá-las de molho antes de lavá-las, no caso de fundo de panelas com sujeiras mais difíceis de serem retiradas, já que assim se torna muito mais fácil higienizar as louças, gastando menos água.

8. Use a lava-louça de forma certa

A regra acima também serve para as lava-louças. Retire os excessos antes de colocar os itens na lavadora e só ligue quando a mesma estiver cheia. Assim, além de água você economizará energia.

As lava-louças usam, em média, 80% menos água em relação à lavagem manual e podem ser usadas até para limpar peças engorduradas ou com sujeiras difíceis, como panelas e travessas.

De acordo com os fabricantes, um modelo de máquina que atenda uma casa com seis pessoas gasta só 8,5 litros em média por ciclo. Já a Sabesp afirma que na lavagem à mão, se a torneira for deixada aberta por 15 minutos, seriam necessários cerca de 117 litros para lavar a mesma quantidade de louça. Só nesse exemplo, a economia passa de 90%.

9. Coloque uma bacia na pia

Mas, se você não tem uma lava-louça e acha que não precisa de uma (principalmente, se você mora sozinho e demoraria muito para encher uma máquina dessas), temos mais uma dica para te ajudar a economizar nesse quesito.

Colocar uma pequena bacia ou balde na pia enquanto lava os pratos pode ser muito eficaz, já que a água que está lavando parte da louça pode ser reutilizada.

Você pode, ainda, usar uma travessa ou panela que já esteja suja para fazer o processo, sem precisar deixar um recipiente especifico para essa tarefa sempre na pia.

COMO CORTAR GASTOS SUPÉRFLUOS QUE PODEM ATRAPALHAR O SEU PLANEJAMENTO

10. Escolha a máquina de lavar corretamente

Para fazer a escolha correta é preciso levar em consideração: o número de moradores da casa, volume de roupas por semana,  além da frequência com que serão lavadas.

O ideal é sempre usar a lavadora em sua capacidade máxima, assim como a lava-louças, economizando, assim, energia e água.

As máquinas para lavar roupas são aliadas da economia na conta de água, quando bem utilizadas, uma vez que uma lavagem no tanque, com a torneira aberta por 15 minutos, chega a gastar 279 litros para cada 5 quilos de roupa, de acordo com dados divulgados pela Sabesp.

Como escolher o modelo certo? Veja.

Capacidade

Nº de pessoas na residênciaFrequência de lavagem semanal

Consumo de água por ciclo

3 kg

1 a 32x

29 litros

6 a 8 kg

1 a 3 1x ou 2x

61 a 144 litros

8 a 10 kg

4 ou mais3x

65 a 158 litros

11 e 12 kg

4 ou mais2x

82 a 168 litros

14 a 17 kg

4 ou mais1x

98 a 197 litros

11. Lave roupa com menor frequência

A dica acima, junto com a tabela, te ajudarão a não lavar roupas constantemente, fazendo com que você economize energia e água.

Se a sua frequência de lavagem é alta, provavelmente, você escolheu o modelo errado para sua demanda, pois assim como um solteiro não deve ter uma máquina de 17kg (já que demoraria quase um mês para enche-la), uma família de 5 pessoas deve optar por um modelo maior e usá-lo apenas uma vez por semana, ao invés de um com baixa capacidade para usar quase que diariamente.

12. Não lave a calçada

Evite lavar a calçada, apenas passe uma vassoura ou, se precisar mesmo lavar, use água proveniente de alguma fonte de reuso, como água oriunda do banho, da banheira do seu filho ou das chuvas.

Essa regra serve também para a lavagem do carro ou para regar as plantas.

13. Cuidado com a caixa d’água

É importante manter a caixa d’água tampada e em local arejado para diminuir a evaporação da água.

Essa regra vale também para as piscinas, se tiver piscina em casa, cubra-a quando não estiver sendo utilizada, pois isso reduz em até 90% a perda de água pela evaporação, que é em média 3.785 litros de água por mês!

14. Reutilize

Existem várias formas de captar e reutilizar água, exemplos de captação são: água do ar condicionado, da máquina de lavar, do banho, banheira do bebê, das chuvas etc.

Para armazenar essa água você pode usar baldes, bacias e, até mesmo, piscinas infantis daquelas infláveis ou de lona. Pode, ainda, comprar uma caixa d’água extra e armazenar esse volume de água para tarefas domésticas, lavagem de carro, aguar as plantas, banhar o cachorro, entre outras utilidades.

10 PERGUNTAS SOBRE DINHEIRO QUE TODOS DEVERIAM FAZER A SI MESMOS

15. Capte água da chuva

O IPT (Instituto de Pesquisas Tecnológicas) lançou um manual explicando como fazer a captação e a utilização da água das chuvas, clique aqui e veja como fazer.

Esse incrível manual traz os materiais necessários para montar um sistema de reuso caseiro, com especificação de tamanhos e modo de fazer, além de dicas de quando e onde utilizar a água captada. 

16. Redutor de vazão

Torneiras e chuveiros podem gastar até 50% menos com a utilização de redutores de vazão, essa orientação, combinada com as dicas 1 e 2,  farão uma diferença significativa na sua conta no final do mês.

17. Lavar o carro sem água

Novas tecnologias como os sprays para lavar carro já são uma realidade que ajudam na economia de água, porque possibilitam limpar o carro sem uma gota d’água.

É possível adquirir esses produtos e fazer a lavagem a seco em casa mesmo, economizando água e dinheiro. Essa simples prática pode evitar o consumo de até 600 litros de água, que é a média gasta na lavagem de carros com mangueiras.

18. Escolha bem o chuveiro

Em locais frios, o mais recomendado é que se use o chuveiro elétrico, pois os chuveiros a gás ou energia solar demoram mais para esquentar a água e, nesse momento inicial, os usuários deixam o chuveiro aberto desperdiçando água.

Ademais, em geral, os chuveiros elétricos têm uma vazão menor. Dessa forma, um banho de 15 minutos gasta, em média, 45 litros. Já o banho de ducha, pelo mesmo tempo, consome 135 litros de água, em média.

Caso prefira as opções de esquentamento a gás ou a energia solar, mantenha um balde ou bacia no banheiro para coletar a água fria que iria ser desperdiçada nos primeiros minutos da abertura do chuveiro e reutilize-a para dar descargas ou para qualquer outro uso, já que é água limpa.

19. Não utilize mangueiras

Quando precisar lavar alguma área ou objeto, prefira o uso de baldes e bacias. As mangueiras consomem bem mais água do que os itens citados. É valido, também, utilizar regadores para aguar os jardins ao invés de mangueiras.

20. Utilize máquinas a vapor

Certos locais da casa precisam de faxina constantemente e, mesmo que a vassoura retire os excessos da sujeira, é inevitável usar esfregões ou outras opções que utilizam água no processo de limpeza. Entretanto, existe uma alternativa econômica para a limpeza dessas superfícies: a limpadora a vapor.

A economia resulta da combinação de velocidade, pressão e temperatura. Funciona da seguinte maneira: a água é esquentada em um compartimento e sai em forma de vapor pelo cano da limpadora, aquece e remove a sujeira por pressão e calor.

Para se ter uma ideia da economia, os fabricantes estimam que em uma superfície com área de 6 m², o gasto médio é de 22 litros de água para a limpeza tradicional. Já com as máquinas a vapor, o gasto é de apenas 140 ml para realizar a mesma tarefa.

*****

LEIA TAMBÉM:

O que fazer para reduzir o consumo de energia elétrica

Como economizar dinheiro a partir de hoje: 10 dicas fundamentais

25 formas simples de ganhar um dinheiro extra

*****

Curtiu conhecer as formas de economizar água? Quais delas você já usava? Compartilhe suas experiências conosco!

Banner convidando para o site do Mobills

Gostou do artigo 20 formas de economizar água? A sua opinião é muito importante para nós! Sugira novos temas, deixe seu comentário.

Comentários

Sobre o autor

Ariane Lopes

Ariane Lopes

Ariane Lopes, redatora do Portal Mobills. Formada em Ciências Contábeis pela Universidade Federal do Ceará - UFC e Pós-graduanda em Gestão Pública pela Universidade Católica Dom Bosco - UCDB. Pesquisadora incansável dos temas educação financeira e finanças pessoais. Principais hobbies: assistir documentários, ler, organizar eventos e viajar.