Dados da Pnad Contínua, do IBGE, mostram aumento no trimestre entre março e maio deste ano. Pesquisa traz panorama com efeitos da pandemia do novo coronavírus.

Desemprego aumentou 12,9%, atingindo 12,7 milhões de brasileiros

O desemprego no Brasil aumentou 12,9% no trimestre entre março e maio deste ano, em meio à pandemia do novo coronavírus.

Ao todo, são 12,7 milhões de brasileiros desempregados, conforme dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) Contínua, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Houve aumento de 1,3 ponto percentual em relação ao trimestre anterior, de dezembro de 2019 a fevereiro de 2020, que apresentou alta de 11,6%.

O índice também cresceu com relação ao mesmo trimestre do ano passado, quando era de 12,3%. As informações são da UOL.

Desemprego aumenta em meio à pandemia

Para a analista da Pnad Contínua do IBGE, Adriana Beringuy, a pandemia teve impacto direto no aumento do índice.

“É uma redução inédita na pesquisa e atinge principalmente os trabalhadores informais. Da queda de 7,8 milhões de pessoas ocupadas, 5,8 milhões eram informais”, destaca.

De acordo com o IBGE, são 368 mil pessoas a mais sem emprego no trimestre encerrado em maio, em relação ao período anterior. 

Informalidade apresenta queda

O índice de informalidade apresentou queda na pesquisa da Pnad Contínua. 

Foi registrada taxa de 37,6%, a menor da série, iniciada em 2016. 

Banner convidando para pedir o cartão Méliuz

Estão entre os informais pessoas sem carteira assinada (empregados do setor privado e domésticos), sem CNPJ (empregadores e por conta própria) e sem remuneração (auxiliam em trabalhos para a família). 

A taxa havia sido 40,6% no trimestre anterior e 41% no mesmo trimestre de 2019.

A queda, no entanto, não é necessariamente uma boa notícia.

Isso porque muitos informais perderam o emprego devido à pandemia e não conseguiram se inserir em outros empregos.

Percentual de ocupação é o menor desde 2012

Um dado interessante apresentado pela pesquisa da Pnad Contínua é o de taxa de ocupação dos brasileiros, que leva em conta a população em idade de trabalhar.

O índice chegou a 49,5% (85,9 milhões de pessoas) no trimestre encerrado em maio, queda de cinco pontos percentuais em relação ao trimestre até fevereiro.

Comente, nos siga nas redes sociais e compartilhe este conteúdo!

O que achou da notícia de que o desemprego aumentou 12,9%?

Se gostou, então, cadastre-se em nossa newsletter para receber as novidades em primeira mão e compartilhe esse post com seus amigos e familiares que possam se interessar.

Quer acompanhar nosso conteúdo também no Instagram? Clique aqui e siga o @mobillsedu!

Não deixe, também, de acessar o canal do Mobills no Youtube.

A sua opinião é muito importante para nós! Sendo assim, sugira novos temas e deixe seu comentário!


VEJA TAMBÉM:

Postado em: Notícias


Escrito por Heloísa Vasconcelos

Jornalista formada pela Universidade Federal do Ceará. Tem experiência na cobertura de economia e cidades e aprende todo dia um pouco mais sobre mercado financeiro. Leitora ávida, apaixonada por literatura.


Hey, o que você achou desse conteúdo?

Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Junte-se a mais de 239.950 pessoas

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

logo-mobills-app

Baixe agora para o seu dispositivo

logo-mobills-app
logo-mobills-app
logo-mobills-app