Controlar as finanças pessoais não significa apenas se livrar das dívidas e pagar o seu cartão de crédito em dia.

Significa virar melhor amigo do seu dinheiro e saber exatamente para onde ele está indo.

Um controle financeiro pessoal eficiente pode te dar a chance de poupar, investir e realizar seus sonhos sem ter que fazer grandes sacrifícios.

Antigamente era muito comum fazer o controle financeiro pessoal em cadernos ou folhas de papel de forma ineficiente. Hoje com a tecnologia você consegue anotar seus gastos de forma prática, fácil e em qualquer lugar. Basta utilizar algum aplicativo de finanças pessoais, nós indicamos o Mobills que é o mais completo e fácil de usar. 

Também é importante controlar seus impulsos e saber exatamente a diferença entre desejo e necessidade. Querer não é poder e você precisa entender isso para manter um planejamento financeiro saudável.

Quer saber como elaborar o controle financeiro ideal para você? Então, não deixe de ler o nosso artigo até o final!

Aqui tem um resumo do que você irá encontrar nesse artigo:

  • O que é controle financeiro pessoal?
  • Por que fazer o seu controle financeiro pessoal?
  • Saiba como fazer o seu controle financeiro pessoal?
  • Passo a passo de como fazer seu controle financeiro pessoal

 

Ter o controle de tudo que você gasta é essencial para um controle financeiro eficiente.

O que é controle financeiro pessoal?

Basicamente, é o registro de todas as entradas (receitas) e saídas (despesas) de capital (seja através de dinheiro ou cartão). 

Quando você faz o registro do seus gastos um a um você consegue saber o que está acontecendo com o seu orçamento em detalhes. Dessa forma nunca mais terá surpresas com o valor da fatura do cartão de crédito.

O controle de gastos pessoal possibilita a a identificação das principais despesas, ajuda a entender para onde o dinheiro está indo e a evitar gastos desnecessários.

Assim, o seu orçamento ficará saudável e você poderá conquistar suas metas e objetivos financeiros sem grandes sacrifícios.

Por que fazer o controle das finanças pessoais?

Ter o controle de seu orçamento é essencial para manter uma vida financeira saudável.

Quando o assunto é finanças pessoais, muitas pessoas ainda não sabem quanto ganham e quanto gastam por mês. Isto é bastante preocupante.

Normalmente, elas recebem o salário, gastam em um dia pagando dívidas e contas, e no resto do mês só fazem mais dívida e o ciclo se repete sempre.

Se este é o seu caso, a sua vida financeira precisa mudar!

E é aí que o controle financeiro pessoal entra. Se você realmente deseja alcançar a independência financeira, então gerenciar as finanças pessoais é essencial.

Até porque, fazer as pazes com o seu dinheiro e ver que sobrou uma quantia boa no final do mês é uma das melhores sensações do mundo.  Com o tempo e planejamento você verá seu dinheiro render cada vez mais com um controle financeiro pessoal eficiente.

Como fazer o controle financeiro pessoal?

O Mobills pode te ajudar com isso! Não é a toa que ele é o app de gerenciamento financeiro pessoal mais bem avaliado do Brasil.

Muitas pessoas costumam fazer o controle de gastos pessoais em planilhas do Excel ou até mesmo em um caderninho em casa.

No entanto, a melhor forma de controlar as finanças atualmente é utilizar um aplicativo de controle de gastos no celular e que tenha integração com a web, para que você possa conferir seus dados online a qualquer momento e onde estiver.

E, dentre os existentes no mercado, com certeza o Mobills se destaca.

Mobills está disponível para Computador, Android e iOS



Realizar o controle financeiro pessoal não é tão complicado quanto parece, mas realmente não é difícil se perder quando há várias fontes de renda ou despesas diferentes.

Para evitar erros fatais no seu controle financeiro e, ainda, ganhar muito mais tempo e praticidade, usar um gerenciador financeiro é uma excelente ideia.

O Mobills permite que você registre todas as suas despesas e receitas de dinheiro do seu bolso ou conta bancária.

Ademais, você pode visualizar suas finanças em forma de gráficos e relatórios, criar metas de economia para o seu orçamento etc.

Muito mais simples do que usar o Excel ou um caderninho, onde você pode se perder em meio a tantos números.

O Mobills já deixa tudo arrumado para você. Dessa maneira, fica muito mais fácil manter a sua saúde financeira.

COMO FAZER UM PLANEJAMENTO FINANCEIRO COM A AJUDA DA TECNOLOGIA

Controle financeiro pessoal em 5 passos

mulher mexendo na caculado enquanto segura uma caneta
O controle financeiro pessoal é importante, isso você já sabe. Agora veja 5 passos essenciais para manter esse gerenciamento financeiro.

1. Registre tudo

O passo inicial para um bom planejamento financeiro pessoal é registrar, se possível diariamente e na hora que ocorrer, cada despesa e receita (no seu gerenciador financeiro online).

Assim como é impossível um médico passar um tratamento sem um diagnóstico, com suas finanças pessoais não é diferente. Essa fase do planejamento financeiro consiste em diagnosticar onde você está gastando seu dinheiro.

Desse modo, você saberá exatamente o quanto está ganhando e gastando e poderá tomar as medidas necessárias para equilibrar suas finanças pessoais ou melhorar sua situação financeira.

Atenção!

Em casos de despesas fixas, no seu controle financeiro deve constar a previsão do pagamento. Assim, você saberá o saldo disponível para as demais despesas sem deixar de cumprir com as suas obrigações.

Não esqueça também das despesas eventuais, pois são despesas que muitas vezes são esquecidas e que podem influenciar negativamente o seu orçamento, como: viagens, reformas, festa de aniversário, troca de carro, etc.

2. Estabeleça prioridades e veja onde poupar

Quando você sabe exatamente para onde está indo o seu dinheiro, torna-se mais fácil verificar o que é essencial e o que é dispensável em seu orçamento pessoal.

Dessa maneira, você evita comprometer seu orçamento com compras que não pode pagar e dificilmente irá ficar endividado.

Como eu já disse: querer não é poder. Quando você quiser comprar alguma coisa, sempre se pergunte “eu posso pagar?”, “eu realmente preciso disso?” e “eu não posso deixar para depois?”

Às vezes, o nosso desejo fala mais alto, mas precisamos nos controlar, pois é melhor não ter aquilo do que ficar endividado.

Se você tem mais de uma prioridade e só pode arcar com uma, então escolha a mais importante. De vez em quando precisamos por na balança algumas coisas.

Além disso, o dinheiro que você deixa de gastar em itens supérfluos pode ser utilizado para investimentos, poupado para a aposentadoria ou servir para que você possa atingir alguma de suas metas.

7 DICAS PARA TER UMA APOSENTADORIA FINANCEIRAMENTE TRANQUILA

3. Defina suas metas e objetivos financeiros

É muito importante ter  objetivos financeiros para não deixarmos nosso dinheiro no limbo.

Por isso, primeiro de tudo, com base no seu histórico de despesas, determine o seu orçamento mensal e estipule uma meta de gastos.

Defina um valor que possibilite uma poupança para construir uma reserva de emergências para eventuais imprevistos, como uma doença ou um acidente de carro.  

O controle das finanças pessoais deve ser constante para que você possa ajustar seus futuros gastos de acordo com a sua meta.

Transforme o controle de gastos em um hábito e desafie-se a economizar cada vez mais!

Defina também objetivos para sua vida pessoal e profissional como, por exemplo, comprar uma casa nova antes de casar e viajar para a Grécia na lua de mel.

Lembre-se que para conseguir conquistar o que tanto almeja, é preciso ter um orçamento saudável que te possibilite isso.

4. Saiba utilizar o cartão de crédito

O cartão de crédito é uma das principais causas de endividamento no Brasil. É muito comum utilizá-lo para comprar pela internet, parcelar compras e até mesmo equilibrar suas despesas mensais.

O problema é quando você não tem controle sobre isso, seu orçamento é muito afetado, lhe causando dívidas até impagáveis.

Os brasileiros adoram parcelar!

O parcelamento dá a falsa impressão que você consegue  pagar por aquele produto, mas quanto mais você parcela produtos, mais o valor se acumula na sua fatura.

Cuidado!

Ao parcelar, avalie quanto de sua renda ficará comprometida no próximo mês e se você realmente tem a capacidade financeira para contrair esta dívida.

Além disso, fique atento às taxas de juros, à data do pagamento e à anuidade, se é que você ainda paga por isso.

CARTÃO DE CRÉDITO SEM ANUIDADE: SAIBA QUAIS SÃO OS MELHORES

5. Planeje-se!

Sempre avalie o impacto que tal compra terá nas suas despesas e se seu orçamento comporta a compra de um novo carro, por exemplo.

Você precisa se acostumar a pensar como estará sua situação financeira no futuro. Planejamento é fundamental para que você possa atingir seus objetivos financeiros.

Lembre-se que todo grande sonho começa com um bom planejamento.

Controlar suas finanças não é difícil, mas é necessário persistência e disciplina.

Porém, com o Mobills fica bem mais fácil!

Comece a utilizar nossa ferramenta agora mesmo e organize-se!

Conclusão

Ter um controle financeiro pessoal é essencial para manter ter tranquilidade financeira.

É o sonho de qualquer um não ter que se preocupar com dívidas e faturas de cartões de crédito.

Você pode conquistar isso, basta querer.

Não se esqueça que todo esforço é válido e nada cai do céu. Tenha consciência do que você realmente pode pagar e use com muito cuidado o seu cartão de crédito.

Tenha metas e objetivos. Eles são muito importantes na nossa vida.

Se você quer viajar no Natal, então precisa estipular um orçamento para começar a economizar. Às vezes, não podemos ter tudo, por isso priorizamos o que mais nos importa.

Mantenha a calma e conte sempre com a nossa ajuda! 

Gostou do artigo? O seu comentário é muito importante para nós!

Dica extra: Baixe gratuitamente o  Mobills que é o aplicativo de finanças pessoal mais bem avaliado do Brasil!

*****

LEIA TAMBÉM:

Finanças pessoais: como organizar o orçamento em tempo de crise

*****

Comentários