Como usar a inteligência artificial nos seus investimentos

É comum que quando falamos de inteligência artificial as pessoas já em robôs humanoides que eliminam a necessidade da presença humana em diversas tarefas. Mas no caso do nosso artigo não é bem assim.

De fato, a inteligência artificial é similar à humana manifestada por mecanismos ou software. O principal objetivo dos sistemas de IA, é executar funções que, caso um ser humano fosse executar, seriam consideradas inteligentes.

A Siri, a famosa assistente virtual do iOS criada pela Apple, é um ótimo exemplo de inteligência artificial.

E o que isto tem a ver com investimento? Às vezes, parece que seu investimento é a única linha vermelha em um gráfico de verdes.

Você vende sua posição para mudar para uma nova que parece estar crescendo, apenas para, de repente, ver uma queda acontecer também. Parece impossível escolher um bom investimento.

Então, o que você deve fazer? Como a inteligência artificial pode ajudar nisso? É o que você vai descobrir agora!

O impacto da inteligência artificial nos investimentos

homem segurando um post it dizendo AI que é a abreviação de inteligência artificial em inglês

Cerca de 60% do mercado de ações é manipulado por fundos quantitativos, ou seja, por inteligência artificial nos investimentos, onde todas as estratégias de negociação são operadas por softwares inteligentes. Esta informação foi tirada de um estudo de uma das maiores redes de Private Banking do mundo.

Os softwares inteligentes realmente vieram para transformar o ato de investir em algo mais avançado e capaz de conseguir as melhores soluções para a aplicação.

A nova geração de fundos quantitativos baseados em modelos matemáticos possui sistemas que aprendem com as operações realizadas. Esta técnica é conhecida como machine learning.

Como assim? Isto significa que estes sistemas são capazes de aprimorar as estratégias existentes, tornando-as mais assertivas, ou mesmo montar novas estratégias de forma autônoma.

Pois, com inteligência artificial e big data unidos em um único sistema teremos máquinas que avaliarão milhares de informações, e seu impacto no mercado, em frações de segundos. Ou seja, facilitando demais o setor de investimento.

Benefícios da inteligência artificial nos investimentos

robô fazendo o sinal de eu te amo

Os softwares inteligentes não possuem sentimentos e nem expressam emoções como nós, seres humanos. Por isso, a assertividade aumenta, como eu citei anteriormente.

Imagina que você quer começar a investir, mas já começa a pensar na dificuldade para botar isto em prática. A boa notícia é que com os modernos recursos de inteligência artificial nos investimentos, o investidor pode começar a operar imediatamente. Viva a tecnologia!

Os softwares inteligentes possuem uma rigorosa gestão de risco.

Como assim? Significa que o operador saberá exatamente o máximo que pode perder em uma posição. Basta escolher como seu software vai trabalhar: de forma conservadora, moderada ou arrojada, conforme seu próprio perfil de investidor.

Como funciona?

robô tocando piano

Uma empresa, chamada Mirocana, construiu uma plataforma que cria simulações através de inteligência artificial e, em seguida, investe para você na melhor simulação de performance possível, aumentando suas chances de sucesso no investimento.

Isto é incrível! Para aqueles que são investidores iniciantes, a plataforma fornece uma relação de avaliação de risco variável. Ou seja, nada de perder dinheiro.

Mas como ela funciona? Os dados da plataforma resultam de notícias, artigos, citações e dados sobre o mercado financeiro.

A partir disto, os dados são avaliados por uma grande variedade de estratégias de negociação. As estratégias são consideradas e editadas diariamente para verificar e retornar ao sistema.

Depois de várias simulações terem as previsões de entrada de todas as estratégias disponíveis, elas usam redes neurais de deep learning para maximizar o lucro e minimizar o risco. A melhor simulação possível de todas as opções potenciais é escolhida e implementada.

A empresa também criou uma stop loss automática e de processamento rápido para que todos os produtos possam ser convertidos quase instantaneamente em dinheiro em caso de emergência.

Os investidores são capazes de indicar um ponto de risco e o sistema fornecerá a análise de risco para ajudar o investidor. Os usuários também conseguem rastrear seus investimentos através de uma interface de proprietário.

Outro exemplo é o Warren Brasil. Ele foi criado para direcionar os usuários e investirem seu dinheiro no que está mais ligado aos próprios objetivos e preferências. Ao acessar o site, você vai perceber que um sistema operacional, como a Siri, conversa com você em tempo real, te fazendo algumas perguntas básicas.

Depois de entender o seu perfil inicial, ele sugere alguns objetivos econômicos, para então te convidar a fazer um cadastro completo antes de fechar negócio. Super simples, né?

Conclusão

De fato, a inteligência artificial mudou, não apenas o mercado financeiro, mas como o mundo em si. Quando assistimos filmes futurísticos, como “Eu, Robô (I, Robot)” e “Ela (Her)”, vemos o quanto aquilo não é tão distante de nossa realidade atual.

Como você leu, a inteligência virtual pode nos ajudar até nos nossos investimentos. Existem plataformas, como a Mirocana e Warren Brasil, que facilita todo o processo e ainda não nos deixa perder dinheiro. Incrível, né?

“Não é magia, é tecnologia”. Literalmente! Precisamos usar a tecnologia, principalmente, a IA, a nosso favor.

Espero que você tenha gostado do artigo. Se sim, compartilhe com os amigos. E não esqueça de deixar um comentário!

*****

LEIA TAMBÉM:

Como a Inteligência Artificial pode ajudar no controle financeiro?

*****

Comentários