Estilo de Vida

Como manter uma alimentação saudável gastando pouco

Frutas e verduras simbolizando o tema Como manter uma alimentação saudável gastando pouco
Isabelle Lima
Escrito por Isabelle Lima

Manter uma alimentação saudável não é fácil, principalmente gastando pouco. Entretanto, existem maneiras de conseguir isso.

Como manter uma alimentação saudável gastando pouco

Banner convidando para o site do Mobills

Inúmeros restaurantes estão surgindo com uma proposta mais fitness para duelar com as franquias fast food. No entanto, apesar da comida ser deliciosa,  muitas vezes o preço não é tão agradável ao nosso bolso.

Por mais que tentemos manter uma alimentação saudável, sustentar esse estilo de vida é caro e sempre optamos por uma maneira mais fácil. Quantos restaurantes saudáveis oferecem serviços como delivery drive thru?

A nossa falta de tempo e dinheiro acaba nos “obrigando” a optar por alternativas que fazem mal à saúde. Porém, existem sim maneiras de conseguir se alimentar saudavelmente sem gastar tanto. Basta seguir nossas dicas abaixo:

Descubra como manter uma alimentação saudável gastando pouco

Organize sua lista de compras

pessoa fazendo uma lista de compras

Sempre faça uma lista de compras antes de ir ao mercado, pois te ajuda a lembrar quais alimentos você realmente deve comprar.

Claro, nem sempre compramos só os itens da lista, mas saber quais produtos deverão ser comprados pode te ajudar a focar em alimentos mais saudáveis e a pensar duas vezes antes de levar um pacote de salgadinho.

Não vá ao supermercado com fome

pessoa pegando alimentos da prateleira do supermercado

O maior erro que você pode cometer é ir ao supermercado com fome. Sempre se alimente antes de ir, assim, você não será tentado a comprar comidas não saudáveis.

Evite também ser impulsivo. Sempre pense no seu objetivo e se aquele alimento realmente lhe fará bem.

Leia os rótulos

pessoa lendo o rótulo do alimento

É muito importante você sempre ler os rótulos dos produtos que pretende comprar. Lá, são mostradas as informações nutricionais que devem ser estudadas com atenção. Fique alerto aos ingredientes, valor calórico, sódio etc.

Não se iluda com produtos que oferecem zero calorias ou algo assim, pois eles recompensam em outros elementos, como sódio, além de serem (quase) sempre mais caros.

Compre alimentos orgânicos

frutas e legumes orgânicos

Os alimentos orgânicos nem sempre são baratos, mas existem formas de consumi-los gastando menos.

Geralmente, os produtos vendidos em feiras orgânicas são mais baratos que os de supermercados. Procure por feiras em suas cidades. O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumir (Idec) disponibiliza em seu site um mapa com todas as feiras orgânicas existentes no Brasil.

Você também pode tentar entrar em contato com os fornecedores dos alimentos e propor uma compra coletiva, assim todos do grupo pagariam menos.

Compre frutas e vegetais da estação

vegetais expostos no supermecardo

Claro, (quase) todos os alimentos são vendidos em qualquer época do ano, mas o ideal é comprá-los em sua estação. Assim, eles serão mais baratos e saudáveis.

O sabor também é diferente, pois, como cada fruta e legume se desenvolve em épocas diferentes, seu gosto fica melhor na sua respectiva estação.

Corte e embale em casa

pessoa cortando alface

Você já deve ter percebido que os alimentos embalados são mais caros que os convencionais. Então, opte por comprar o pé inteiro de uma alface, por exemplo, e faça todo o processo (cortar e embalar) em casa.

Além de economizar, você saberá como o procedimento foi feito (já que foi feito por você mesmo). Muitas vezes confiamos em coisas já embaladas, e por isso ficamos propícios a doenças.

Invista em alimentos congelados e enlatados

produtos entalados na prateleira

Ao contrário do que muitos pensam, o consumo de alimentos congelados e enlatados não é um inimigo da alimentação saudável.

Os pesquisadores da Universidade da Califórnia publicaram no The Journal of the Science of Food and Agriculture que as frutas e legumes frescos geralmente perdem seus nutrientes mais rapidamente que os enlatados e congelados.

Ademais, eles são (geralmente) mais baratos, mas não abuse. Esses produtos nem sempre são saudáveis, apesar da pesquisa. O segredo, como já dito antes, é ler o rótulo.

Faça seu próprio suco

suco natural em cima da mesa

Os sucos vendidos em caixas e pacotes contém muitos conservantes que fazem mal para a saúde, e ainda são caros.

O jeito mais econômico de tomar essas bebidas é fazê-las a partir da própria fruta. Mesmo que você ache mais trabalhoso, vale super a pena o esforço. Além de que existem inúmeras combinações super gostosas e saudáveis para fugir do convencional, como:

  • Laranja com maçã;
  • Acerola com laranja;
  • Melancia com morango;
  • Maracujá com menta;
  • Limão com mel e hortelã;
  • Casca de abacaxi com couve;
  • Pera com água de coco;
  • Cenoura com laranja e gengibre;
  • Abacaxi com maracujá;
  • Morango com couve e laranja.

Mantenha sua geladeira em ordem

geladeira organizada

A geladeira precisa sempre estar organizada para evitar o desperdício de comida. Quem nunca esqueceu de certo alimento e quando percebeu era tarde demais?

Por isso, deixe os alimentos perecíveis à frente dos outros itens para evitar que se estraguem. Essa tática também ajuda a resistir a outras tentações, como a pizza da noite anterior.

Monte uma horta

alimentos colhidos dentro de uma cesta

Se a sua casa tem espaço suficiente para montar uma pequena horta, então invista. Plantar seu próprio alimento é super econômico.

Algumas sementes podem ser caras, mas você pode pedir para um conhecido, optar por grãos mais baratos ou melhor ainda: usar as sementes das frutas e legumes que você consumiu.

Opte por ovos caipiras

ovos caipiras no mercado

Sempre que possível compre ovos caipiras, pois além de serem mais baratos do que os ovos de granja, são muito mais saborosos e nutritivos.

Caso você tenha um sítio ou fazenda, que tal criar galinhas? Seria muito mais econômico.

Cozinhe em casa

casal cozinhando em casa

A melhor forma de comer bem de verdade é preparando sua própria refeição. Cozinhar em casa vai economizar bastante seu dinheiro, além de que se alimentar (quase) todos os dias na rua pode ser prejudicial a sua saúde e dificilmente é possível saber a procedência de todos os ingredientes utilizados.

Claro que você pode comer na rua de vez em quando, mas não abuse. Lembre-se de economizar e manter uma alimentação saudável.

Opte por doces saudáveis

pessoa segurando uma tigela de morangos

Já ouviu falar que a melhor sobremesa é uma fruta? Então, é mesmo, pois ela é rica em vitaminas e nutrientes. Mas se você não resiste a um doce, existem opções mais saudáveis e baratas.

Procure doces saudáveis para vender (lembrando sempre de olhar o rótulo) ou faça você mesmo. Existem muitas receitas deliciosas e simples, basta procurar na internet.

Faça seu próprio pão

pães feitos em casa

Pães feitos através de fermentação natural (que não são aqueles do supermercado) costumam ser mais caros. Porém, tente fazer você mesmo em casa. Procure na internet a receita e se divirta.

Mas se você não acha uma boa ideia, então diminua o consumo deles até parar de comer totalmente. Nós não precisamos tanto do pão na nossa alimentação.

*****

LEIA TAMBÉM:

14 dicas super simples para economizar no supermercado

Como não gastar todo o seu salário

27 dicas práticas para você economizar no dia a dia

*****

Curtiu as dicas sobre como manter uma alimentação saudável gastando pouco? Conhece alguma outra interessante? Compartilhe conosco!

Banner convidando para o site do Mobills

Gostou do artigo Como manter uma alimentação saudável gastando pouco? Compartilhe nas redes sociais! A sua opinião é muito importante para nós! Sugira novos temas, deixe seu comentário.

Comentários

Sobre o autor

Isabelle Lima

Isabelle Lima

Isabelle Lima, estudante de Jornalismo e estagiária de Redação do Mobills. Ama aprender coisas novas e não consegue viver sem música. Principais Hobbies: assistir animes/séries, viajar e sair com os amigos.