Como investir dinheiro: o passo a passo definitivo!

Quem quer começar a investir precisa seguir alguns passos para que se sinta seguro e atinja o objetivo esperado.

Começar a investir não é apenas pegar um valor que se tem disponível e colocar em qualquer aplicação que (talvez) renda um retorno financeiro.

Fazer investimentos vai muito além disso, pois é preciso conhecer sobre as opções disponíveis e qual a melhor maneira de aplicar seu dinheiro para que ele se multiplique.

Outro problema dos investidores é considerar apenas rentabilidade e desconsiderar a inflação anual divulgada pelo Banco Central porque, apesar de o dinheiro ter rendido, ele pode ter perdido valor de compra.

Ou seja, apesar de não serem nenhum bicho de sete cabeças, investimentos requerem planejamento cuidadoso e constante.

Afinal, quem quer obter resultados expressivos e retornos vantajosos não se contenta em fazer aportes esporádicos e de valores irregulares, que pouco ou nada adiantam na hora de montar uma carteira de ativos forte.

É bem verdade que qualquer valor guardado é melhor que não ter nada, mas com um pouco de planejamento é possível fazer bons investimentos no momento realmente certo para você e para suas finanças.

Quer aprender de forma definitiva como investir dinheiro?

Então, continue lendo o texto até o final!

Pontos a entender antes de começar a investir dinheiro

Vou te mostrar primeiramente alguns conceitos importantes sobre o momento ideal para investir.

Em seguida, você verá de modo detalhado, através de um passo a passo, como começar a investir dinheiro e ter sucesso desde o início!

Para finalizar, vou te ensinar o que fazer para perder o medo de investir. Muita gente deixa de ganhar dinheiro justamente por causa disso. Logo é um tópico fundamental!

Preparado? Vamos lá!

O que é investimento?

Investimento é toda aplicação de recursos ou gasto que gera um retorno futuro.

Não é necessário ser um especialista em finanças pessoais para saber como investir dinheiro, muito menos para começar a investir.

Quando se trata de dinheiro, é bastante comum ver pessoas em dúvida sobre como cuidar melhor dele.

A verdade é que quase todo mundo quer alcançar objetivos que envolvem recursos financeiros, mas a maioria não sabe por onde iniciar os investimentos.

Por esse motivo, descobrir como investir dinheiro é um marco na vida de qualquer pessoa.

A partir disso, você deixa de apenas ganhar, gastar e poupar, começando a fazer o seu dinheiro trabalhar para você.

Os investimentos servem como a ponte que liga você até os seus objetivos financeiros. Sejam eles de curto, médio ou longo prazos.


15 Aplicativos para ganhar dinheiro e lucrar no seu tempo livre


Quando investir dinheiro?

Antes de pensar em investimentos, é preciso observar como anda sua saúde financeira.

De pouco adianta você ter R$ 1.000 guardados na poupança, com juros a 0,5% ao mês (às vezes um pouco mais, outras um pouco menos que isso), e estar devendo o mesmo valor, mas com juros de 10% ao mês.

Na ponta do lápis, você vai sair perdendo, visto que o valor final a ser pago, no caso da dívida, é muito superior ao valor que você conseguiria obter deixando o dinheiro na poupança.

Muita gente prefere separar uma parte da renda mensal para investimento, mesmo estando endividado, guardando um pouco e pagando um pouco todo mês.

Porém, o mais inteligente é fazer os juros compostos trabalharem a seu favor e não contra você.

Além disso, ao estudar um pouquinho mais sobre investimentos, você vai perceber que deixar o dinheiro na Caderneta de poupança também não é um bom negócio.

Enfim, com as dívidas todas quitadas (ou pelo menos controladas) e suas finanças no azul, agora sim é hora de começar a planejar os seus investimentos.

Por que você deve investir?

Mesmo que hoje você ainda não invista, saiba que deve começar a investir o quanto antes.

Independentemente da sua situação financeira no momento, você precisa pensar sobre reservar um dinheiro para este fim.

Está endividado?

Então, busque maneiras de sair das dívidas rapidamente, de fazer seu controle financeiro e começar a juntar dinheiro pensando no seu futuro.

Por outro lado, se você já consegue juntar algum dinheiro, mas acaba deixando na Caderneta de poupança por falta de conhecimento, saiba que precisará melhorar sua educação financeira, porque você está literalmente PERDENDO dinheiro.

A sua idade também não é um fator impeditivo, entretanto, quanto mais cedo você começar, mais rápido atingirá a tranquilidade financeira.

Portanto, chega de desculpas!

Se você pretende construir sua riqueza, você necessariamente tem que aprender como investir seu dinheiro.


25 livros para ler se você quiser se tornar rico


Quanto investir?

Dá pra começar a investir no Tesouro Direto (títulos públicos federais) com pouco mais de 30 reais.

As corretoras de valores e os bancos oferecem diversas outras opções de investimentos como títulos privados de Renda Fixa, Fundos de Investimento Imobiliário, entre outros.

No entanto, alguns desses investimentos exigem uma quantia mínima para começar, como R$ 1.000, por exemplo.

Por isso, quanto mais dinheiro você tiver para investir, maiores serão as variedades de tipos de investimentos que você terá à disposição, como CDBs, LCIs, LCAs e até ações.

De qualquer modo, o importante é você saber que pode iniciar seus investimentos com pequenos valores.

E o mais interessante: em alternativas tão seguras quanto a famigerada Caderneta de poupança e que, mesmo assim, têm uma remuneração melhor que a dela.


Entenda cada um dos títulos do Tesouro Direto e saiba como investir


Tenha uma reserva de emergência

Antes de partir para o passo a passo sobre como investir dinheiro, quero trazer só mais esse ponto, que também é muito relevante.

O primeiro investimento que deve ser feito por toda pessoa, antes de qualquer outra coisa, é na sua segurança.

Assim, antes de investir exclusivamente com o objetivo de fazer o dinheiro trabalhar para você, é necessário criar a famosa “reserva de emergências”.

O nome já é auto-explicativo, mas vamos detalhar: 

O fundo ou reserva de emergência é uma quantia de dinheiro guardada para ser usada em caso de necessidade:

  • Doença na família;
  • Desemprego;
  • Conserto de bens essenciais;
  • E qualquer outras situação que acabe gerando despesas extras, que não foram previstas no orçamento.

Quanto guardar? O mínimo é ter o valor equivalente a 3 meses de salário. O ideal seriam 6 meses, ou até 1 ano, dependendo da sua estabilidade no emprego.

Ter a reserva de emergência ajuda a preservar seus investimentos posteriores.

Afinal, se acontece algum imprevisto, você a princípio não precisará mexer no montante que vem juntando para outros objetivos financeiros: pode sempre contar com seu “quebra-galho”.

Como o nome já diz, o dinheiro será utilizado para emergências. Logo, precisará estar sempre disponível. Nesse sentido, boas opções são o Tesouro Selic e a NuConta.


Aprenda a montar sua reserva de emergência e proteja-se de imprevistos financeiros


Como investir dinheiro: saiba exatamente como começar!

Banner convidando para o Mobills

Elabore seus objetivos

Para que você quer guardar dinheiro? Se você quer investir dinheiro e fazer com que esse investimento chegue ao fim é preciso ter um objetivo para ele.

Por isso, pare por algum tempo e pense o porquê está investindo e o que deseja conquistar com isso.

Pode ser qualquer objetivo, como garantir a sua aposentadoria, comprar uma casa, trocar de carro, fazer uma viagem, bancar os estudos dos filhos...

É importante saber o motivo pelo qual você pretende economizar dinheiro e fazê-lo render.

O motivo é simples: além de dar-lhe uma motivação, fazendo você assumir consigo mesmo o compromisso de estar sempre separando aquele valor mensal para alcançar aquela meta, ajuda a definir qual o tipo de investimento que será feito.

Há investimentos com maior liquidez, outros oferecem melhor taxa de juros a longo prazo, há uma infinidade de opções disponíveis.

Ademais, nesse momento, você vai começar a perceber que para atingir seus objetivos pode ser preciso eliminar alguns gastos supérfluos, para conseguir ter um dinheiro a mais para investir.


15 despesas mensais para cortar e economizar dinheiro


Defina qual valor será investido

Após estabelecer seus objetivos, você deve estimar o valor de cada um. Esse levantamento é necessário para definir a quantia a ser investida e o prazo de aplicação.

Não se esqueça também que o dinheiro poderá ser investido todos os meses ou de uma única vez, embora a consistência seja um dos pontos-chave para ter sucesso nos investimentos.

De todo modo, a dica essencial aqui é que ele esteja dentro do seu orçamento e que você consiga manter a sua meta.

Além disso, algo muito importante é ter o hábito de se pagar primeiro. Então, assim que receber seu salário, já separe o dinheiro para investir.

Conheça os diferentes tipos de aplicações

Para que seu dinheiro não fique parado e com isso acabe se desvalorizando (como ocorre na Caderneta de poupança) é preciso conhecer as suas opções de investimento, para buscar as melhores alternativas e rentabilidades para o seu caso.

São diversos tipos disponíveis e alguns envolvem um risco maior do que outros. Porém, em linhas gerais, há duas categorias de investimentos: renda fixa e renda variável.

Renda fixa

No primeiro caso, você investe em um título público ou privado, ou seja, empresta seu dinheiro para uma instituição, e em troca é remunerado por isso.

O risco de investir em renda fixa é baixo e o investimento é seguro, à medida que você já tem noção do retorno no momento da aplicação.

A taxa da remuneração pode ser prefixada (você sabe na hora que faz o investimento) ou pós-fixada (atrelada a um índice econômico (Taxa Selic, IPCA, CDI).

Os principais investimentos de renda fixa são (em ordem alfabética):


Investimentos de renda fixa: aprenda de vez o que é CDB, Selic, LCI e LCA


Renda variável

Já na renda variável, você não tem rentabilidade garantida e com as mudanças no mercado as aplicações podem se valorizar ou desvalorizar repentinamente.

Por isso, envolve um maior risco. No entanto, os retornos também podem ser incrivelmente maiores, principalmente, no longo prazo.

A grande questão é que você tem que analisar mais para identificar boas oportunidades, fazer as melhores escolhas e alcançar resultados expressivos.

Ou pagar uma taxa para que alguém faça isso por você, que é o que ocorre no caso dos Fundos de Renda Variável.

Os principais investimentos de renda variável são (em ordem alfabética):

  • Ações;
  • Commodities;
  • Contratos Futuros;
  • Fundos de Investimentos Imobiliários;
  • Fundos de Renda Variável.

Obs: Tenha sempre em mente que pesquisar e estudar sobre os diferentes tipos de investimento é muito importante, para que você tenha condições de escolher suas aplicações sem ser enganado por qualquer tipo de oferta.

Identifique o seu perfil de investidor

Para saber quais os tipos de investimentos mais indicados para começar a investir dinheiro, é essencial descobrir o seu perfil de investidor.

Há basicamente 3 perfis.

Conservador: são aquelas pessoas que têm maior aversão à perda e ao risco. O objetivo maior é preservar os recursos poupados.

Moderado: esse perfil é caracterizado por uma pessoa que também prioriza a segurança dos investimentos, mas que abre um certo espaço para arriscar um pouco a mais.

Agressivo/Arrojado: a definição para o perfil arrojado é buscar maximizar seus retornos, levando em consideração os riscos assumidos.

Vale lembrar, ainda, que o seu perfil pode ser um misto dos perfis-base apresentados. Por exemplo, Moderado Agressivo.

Se você quer descobrir qual o seu perfil agora mesmo, basta fazer o teste de API (Análise de Perfil do Investidor), disponível na área de investimentos do nosso aplicativo Mobills.

Procure uma instituição financeira

Para iniciar seus investimentos, é preciso ter uma conta em uma instituição financeira. Dê prioridade às corretoras de valores confiáveis.

Os bancos tradicionais normalmente possuem poucos produtos à disposição e oferecem taxas de rentabilidade menos atrativas.

As corretoras, por outro lado, costumam oferecer os investimentos mais interessantes e com as melhores rentabilidades.


Saiba quais são as 10 melhores corretoras de valores do Brasil


Abra sua conta

Após escolher a corretora da sua preferência, é necessário criar a sua conta. Para isso, basta inserir seus dados pessoais, criar um login e definir uma senha.

Depois, transfira o dinheiro que você tem disponível para começar a investir da sua conta bancária para a conta da corretora, através de uma TED de mesma titularidade.

Lembrando que o ideal é que você faça isso sem custo algum. Nesse sentido, a dica é usar o Banco Inter ou o Nubank, que não cobram taxas para TEDs.

Pronto, feito isso, em questão de minutos, o valor transferido estará disponível para utilização na sua conta da corretora.

Escolha seus investimentos

Para finalizar esse passo a passo sobre como começar a investir, chegamos à parte mais agradável: definir em que aplicação você investirá o dinheiro que conseguiu juntar.

Você deve levar em consideração os seguintes aspectos:

  • Aporte inicial (qual a quantia necessária?);
  • Liquidez;
  • Prazo de aplicação mínimo (data de vencimento);
  • Rentabilidade;
  • Riscos envolvidos;
  • Segurança.

As orientações aqui são que você mantenha a calma, decida no que vai investir com base nos seus objetivos financeiros e não no que “é melhor’ segundo a opinião de outros.

Você também pode e deve contar com a ajuda de um Simulador de Investimentos para te ajudar nessa tarefa.

Achou o investimento mais interessante para as suas metas?

Agora, é só definir os valores, clicar em “Comprar” e deixar o seu dinheiro começar a trabalhar para você.

Dicas extras sobre como começar a investir dinheiro

Não concentre seu dinheiro em uma única aplicação

Colocar todo o seu dinheiro em um único tipo de aplicação pode trazer lucros muitos bons, mas também prejuízos.

Para diminuir esse impacto, o ideal é sempre diversificar.

Mesmo que o seu perfil seja Arrojado, aplique parte do seu dinheiro em investimentos considerados arriscados, mas também tenha parte deles em um mais conservador, para conseguir um equilíbrio.

Como eu já mencionei, antes de fazer uma aplicação é preciso conhecer o seu perfil.

Porque se você for uma pessoa conservadora, não vai ficar confortável em fazer um investimento de alto risco e isso pode acabar fazendo com que opte pela opção errada.

Sendo assim, combine o seu perfil com opções compatíveis com ele.


11 maneiras comprovadas de obter uma renda extra na internet


Acompanhe os investimentos

Não adianta fazer aplicações e deixá-las sem nenhum acompanhamento só porque os seus objetivos são para daqui um ano.

É preciso acompanhar regularmente seus investimentos e também fazer a gestão do seu dinheiro para verificar os novos recursos que ficarão disponíveis para serem investidos.

Uma boa forma de conseguir isso é com aplicativos como o Mobills, que ajudam a controlar as suas finanças e apresentam os resultados com gráficos personalizados, para ficar mais fácil de entender.

Quem quer começar a investir e adota esses cuidados, tem uma maior probabilidade de ter bons resultados e conseguir atingir aquilo que almeja.

Aprenda sobre o poder dos juros compostos

Juros compostos são a aplicação de juros sobre juros.

Isto é, os juros são aplicados não só sobre o montante inicial do investimento, mas também sobre as rentabilidades alcançadas a cada período em que o dinheiro permaneceu investido.

Isso faz toda a diferença no longo prazo!

Não à toa, o gênio da Física, Albert Einstein disse:  “Juro composto é a oitava maravilha do mundo. Quem entende, ganha. Quem não entende, paga.”

Quer entender tudo sobre os juros compostos e como eles podem te ajudar a ficar rico? Leia o texto abaixo!


Juros compostos: entenda melhor esse conceito que pode mudar sua vida financeira


Medo na hora de investir dinheiro? Saiba como contornar esse problema!

A maioria das histórias assustadoras que você escuta sobre pessoas perdendo muito dinheiro no mercado financeiro são de pessoas que estavam tentando ganhar dinheiro fácil e rapidamente.

Algo que absolutamente não recomendamos!

Investir é um “empreendimento de longo prazo”, especialmente quando você está apenas começando.

Você não precisa ter uma graduação na área de finanças nem mesmo ser expert no mercado de ações para investir e ganhar dinheiro, nem mesmo precisa contratar alguém para investir seu dinheiro para você.

Aprender a investir e entender mais sobre no que você está investindo lhe dará a confiança de que você necessita para começar a aplicar seu dinheiro.

Muitas das coisas mais valiosas da vida podem ser assustadoras no começo.

Por exemplo, ir à escola pela primeira vez, aprender a dirigir, começar uma família, largar um emprego para iniciar um negócio próprio, etc. Investir não é exceção.

A ideia de possivelmente perder dinheiro é uma perspectiva aterrorizante, mas se você ceder ao medo, vai perder algumas oportunidades incríveis e possivelmente ganhos expressivos no longo prazo.

Investir não tem que ser nada assustador, aliás, deveria ser algo extremamente natural, já que é uma ótima maneira de ganhar dinheiro.

Vamos explicar, a seguir, por que investir não é nada para se temer.


Quer saber como ganhar dinheiro sem sair de casa? Veja 20 plataformas que irão te ajudar!


De onde vem o medo na hora de investir?

O medo de investir vem de não saber o que você está fazendo.

É por isso que é muito importante aprender a lidar com seu próprio dinheiro. O sucesso nos investimento vem através do conhecimento e das habilidades desenvolvidas com a prática de investir.

Por isso, as sugestões para que se perca o medo de investir dinheiro são que você dedique seu tempo para os estudos, aprenda sobre o mercado e sobre as opções que ele te oferece.

Lembre-se, o investidor estudioso e experiente faz tudo com tranquilidade e segurança.

Entenda o que você está fazendo

Se você quer investir em ações, tem que pesquisar melhor sobre o mercado antes de aportar dinheiro.

Converse com pessoas que você conhece e que tenham mais experiência. Saiba o que faz com que os mercados e os preços das ações subam e desçam.

Estudar a história ajudará você a entender e prever o futuro. Então, você vai entender as regras do jogo. E uma das regras desse jogo é que as ações sempre vão cair ou subir.

“Conhecimento x medo” é uma relação inversamente proporcional. Isto é, quanto mais conhecimento você obtiver, menos medo terá.

Etapas para se livrar do medo de investir de uma vez por todas

Estudar

Ter conhecimento é essencial para se tornar bem sucedido.

Quando você estuda o mercado e aprende o que observar, você vai ganhar uma compreensão de quando comprar e vender.

Você se sentirá muito mais confortável tomando decisões e deve se tornar mais confiante com as escolhas que faz.


Como manter o foco, fazer o que é necessário e ter sucesso


Definir metas

Onde você se vê daqui a 1 ano? 5 anos? 10 anos?

Definir essas metas permite que você domine o medo através da determinação.

Uma vez que o resultado desejado é definido, você se coloca em um lugar positivo e motivador.

Comece pequeno e vá crescendo

Não tenha medo de começar pequeno. Comece com pequenas somas de dinheiro para não arriscar muito enquanto ainda estiver aprendendo.

Uma vez que você estiver mais confiante, investir maiores somas de dinheiro se tornará o próximo passo lógico.

Com quantidades maiores, você pode gerar lucros maiores.

Faça uma abordagem Simples

Mantenha as estratégias simples.

Quando sua abordagem de investimento é simples, é menos provável que você se torne sobrecarregado ou ande para trás.

Além disso, quanto mais simples o seu plano, mais fácil será detectar problemas e fazer pequenos ajustes.

Apenas vá

Às vezes você tem que mergulhar de cabeça em algo que você pode não estar completamente confortável.

Uma vez que você comece a dar os passos ao longo de sua nova jornada, o caminho se tornará mais fácil.

Superar o medo de começar a investir dinheiro é como entrar no nevoeiro. De longe, sua visão está turva, mas à medida que você caminha, poderá ver as coisas com maior clareza.

Não desanime

Às vezes nem tudo sai como planejado. No entanto, tenha em mente que você aprenderá mais com seus erros do que quando realmente tiver lucro.

Volte e comece de novo.

Aceite a situação, dê boas-vindas a todas as coisas que você aprender (tanto as boas quanto as ruins), e use tudo isso para tomar decisões mais inteligentes no futuro.

Outros textos muito bons sobre formas de investir dinheiro

Como investir pouco dinheiro e ter lucro

Conclusão

Começar a investir dinheiro é uma das melhores decisões que você pode tomar na sua vida, olhe lá se não for a melhor.

Muitas pessoas têm medo de investir porque acham que vão perder todo o dinheiro que conseguiram juntar com grande dificuldade, mas com um pouco de estudo e dedicação podem conseguir ótimos resultados.

Mesmo se optarem apenas pelas opções mais conservadoras do mercado.

O que você não pode, DE JEITO NENHUM, é deixar seu dinheiro na Caderneta de poupança, com uma rentabilidade irrisória, sendo corroído pela inflação.

Ao fazer isso, na prática, você vai estar é enricando os banqueiros e PERDENDO DINHEIRO. Essa é a grande verdade que os bancos tradicionais não querem que você descubra.

Pensa comigo: não adianta muito poupar um ótimo dinheiro, com extrema regularidade/consistência e deixar de aproveitar o poder dos juros compostos, não é mesmo?

Então, bora aproveitar nosso passo a passo e começar a fazer esse dinheiro render e trabalhar para você!

Por último, mas não menos importante, muito pelo contrário, lembre-se: se você quer ter mais dinheiro disponível para investir, deve se preocupar também em controlar as finanças pessoais.

Dessa maneira, você vai descobrir onde pode economizar e poupar mais dinheiro para investir mensalmente, ficando mais próximo da independência financeira.

Não se esqueça, ainda, de usar o Mobills para te ajudar nessa tarefa e também para controlar suas aplicações, com o Módulo de Investimentos!

É isso, foi dado o recado. Forte abraço e até o próximo artigo!


LEIA TAMBÉM:

Home Broker: a tecnologia a favor dos seus investimentos


Tem mais alguma dúvida para iniciar os investimentos? Vai começar hoje mesmo? Compartilhe conosco!

Gostou do artigo Como investir dinheiro: o passo a passo definitivo!? A sua opinião é muito importante para nós! Sugira novos temas, deixe seu comentário.