Como ficar rico? Saiba exatamente por onde começar!

Banner convidando para conhecer o Mobills

Cada indivíduo tem um plano de vida e seus próprios desejos.

No entanto, todos eles certamente possuem uma vontade em comum: a de ter tranquilidade financeira.

Acontece que a estabilidade é muito mais fácil de ser alcançada quando o sujeito externaliza seus sonhos, cria um planejamento e estabelece metas.

Acompanhando o dia a dia dos homens mais ricos do mundo, encontramos sempre um ponto convergente: todos sabem exatamente de onde vem e pra onde vai seu dinheiro.

Eles conhecem a fundo seus gastos, investimentos e todos os detalhes dos seus empreendimentos.

Ainda que você não viva a mesma realidade dos grandes ricos, entender como eles pensam e atuam é de grande valia.

Dessa forma, você poderá criar a sua própria missão e valores para que o seu patrimônio e rendimentos se ampliem e, aos poucos, você se torne bem-sucedido.

Se você quer saber como começar a ficar rico em 2019, não deixa de ler este texto até o final, você vai descobrir que é mais simples do que parece!

Vou te mostrar, a seguir, 8 orientações que vão te ajudar a conquistar a prosperidade financeira a partir deste ano. Confere aí!



Entenda como ficar rico em 2019

 

1. Analise o seu cotidiano

Analisar todos os valores envolvidos no seu cotidiano é uma atitude vital para que você possa definir muito bem os seus objetivos financeiros.

Desse modo, o percurso para alcançar aquilo que você deseja será mais claro e consistente.

O planejamento financeiro pessoal é o único meio conciso que permite que seus sonhos se tornem realidade.

Sendo assim, coloque tudo no papel de forma clara: visualize suas metas e trace soluções para itens que te desviam ou tornam a sua ascensão distante.

Além disso, é muito importante que esse planejamento esteja sempre visível para que seus planos não sejam adiados.

Lembre-se: de nada adianta estipular metas grandiosas e não ter nenhuma condição de cumpri-las no final do mês. Isso só trará frustrações.


Como elaborar um planejamento financeiro pessoal incrível em 13 passos simples


2. Verifique suas receitas e despesas

O primeiro passo de um bom planejamento financeiro é verificar o seu fluxo de caixa.

Portanto, se ainda não sabe, descubra imediatamente qual o total da sua renda — ou da sua casa, se morar com outras pessoas — e no que está sendo gasto cada valor que está entrando.

No acompanhamento das despesas, é altamente recomendada a utilização de aplicativos de controle financeiro no seu smartphone, como o Mobills, pela praticidade e porque você pode fazer os registros em tempo real.Telas do aplicativo Mobills

Porém, planilhas no Excel ou até mesmo o bom e velho caderninho também podem ser utilizados para este fim, contanto que você não se esqueça de fazer as anotações.

Enfim, escolha a ferramenta a que você se adaptar melhor, mas em hipótese alguma deixe de fazer seu controle financeiro.

É fundamental visualizar todo o dinheiro que passa pela sua casa.

3. Esteja atento às condições econômicas do país

Observe o momento pelo qual passa o país e leve isso em consideração.

Se o momento for de crescimento, sinta-se livre para almejar mais e ceder um pouco.

Nesses casos, você pode até gastar um pouco mais com as chamadas despesas supérfluas.

Contudo, não abuse nem se esqueça do que está definido no planejamento.

Como, atualmente, ainda estamos passando por um momento de recuperação da crise econômica, talvez seja a hora de priorizar gastos essenciais, mesmo que você conte com uma fonte de renda fixa todo mês.

Essa medida de inibir gastos desnecessários é importante para que você tenha mais condições de juntar dinheiro e investir nos seus sonhos em um futuro próximo.

4. Compare preços

Comece analisando o seu próprio perfil — e dos demais moradores da sua casa, se for o caso — e como você gasta o dinheiro que recebe.

Questione-se sempre: será que não desperdiço muito dinheiro em despesas desnecessárias? Há algum valor que pode ser economizado todos os meses nas minhas compras?

É indispensável que você compare os preços daquilo que coloca mensalmente no seu lar, bem como dos produtos que ainda deseja adquirir.

Ademais, quando quiser fazer uma compra em lojas físicas, busque primeiramente os preços dos produtos on-line.

Você tem que sair de casa com uma noção do valor do item que vai comprar para que não seja gasto dinheiro além do valor real da mercadoria e para que você saiba se está mesmo fazendo um bom negócio.

Isso também vai te ajudar a barganhar melhor na hora da negociação com o vendedor, o que aliás você sempre deve fazer.

Pechinche muito e ganhe descontos. Ou não pechinche nunca e continue pagando mais do que deveria, a escolha é sua.


14 formas comprovadas de conseguir o melhor negócio através da pechincha


5. Aguarde algum tempo antes de fazer novas aquisições

É claro que hoje você sente que precisa ter aquele tipo específico de smartphone da última geração e que nenhum outro vai substituí-lo, mesmo que essa não seja uma compra essencial.

Porém, será que em dois ou três meses você continuará se sentindo assim?

Se você quer muito adquirir um produto, não faça isso imediatamente, primeiro pesquise o preço e o nível de satisfação de outros clientes em relação a ele.

É sempre bom esperar um pouco para realizar uma compra, principalmente de um produto que acaba de ser lançado, por 3 motivos.

Você poderá decidir se aquilo é mesmo importante o suficiente para você, a mercadoria perderá o valor de lançamento e a sua compra provavelmente trará mais satisfação.

6. Não foque apenas na satisfação momentânea

Gastar apenas para satisfazer suas vontades momentâneas é como ir ao supermercado com fome: você geralmente gasta mais do que o necessário, não leva o que precisa e ainda volta pra casa sem se sentir saciado.

Eu sei que nem sempre é fácil abrir mão dos seus objetos de desejo.

No entanto, se você quer começar a ficar rico ainda em 2019, a economia deve ser uma prioridade na sua vida.

Dessa maneira, é interessante que você faça uma lista com itens que realmente são necessários para você e sua família, e quais são os seus desejos de curto, médio e longo prazo.

Os primeiros são os gastos essenciais e que não podem ser evitados, os outros são os seus objetivos financeiros e é sobre eles que você deve ponderar.

É óbvio que você precisa realizar alguns desejos de curto prazo, para ter qualidade de vida, mas também deve poupar dinheiro visando alcançar aqueles objetivos mais caros, que normalmente se concretizam no médio e longo prazos.

7. Utilize cartão de crédito somente em situações que trouxer benefícios

É fato notório que as taxas e juros cobrados por cartões de créditos são uma das mais altas praticadas no mercado.

Logo, se você não tem controle financeiro, o ideal  é que você realmente evite usar cartões durante algum tempo.

Busque utilizar mais a sua função de débito ou realizar pagamento em dinheiro, deixando o crédito apenas para emergências.

Por outro lado, caso não tenha problemas com o consumismo, você pode sim utilizar os cartões como uma ferramenta de planejamento financeiro.

Para comprar itens mais caros de uma forma acessível através dos parcelamentos ou ainda em situações benéficas, como para conseguir descontos em cinemas e shows, por exemplo.

Pense assim: você deve usar o cartão de crédito quando os benefícios superarem o seu lado negativo, de modo a não pesar no orçamento mensal.


Orçamento pessoal: saiba como elaborar o seu corretamente em 5 passos


8. Cheque periodicamente o planejamento financeiro elaborado

Delimitou os seus sonhos, criou objetivos, estabeleceu suas metas, atentou-se ao mercado e suas condições e conseguiu encontrar maneiras para gastar melhor o seu dinheiro?

Ótimo, então você criou, por conta própria, um planejamento efetivo e já está apto a começar a ficar rico em 2019!

Não se esqueça que o caminho para a estabilidade financeira é árduo e exige tempo.

Por isso, a caminhada será complexa e cheia de desafios, mas a recompensa, com certeza, será satisfatória.

A grande dica é: não fique estagnado!

Periodicamente, cheque as metas determinadas e as possibilidades de torná-las maiores e mais eficazes.

Não desanime em momento algum! Todo esse esforço será recompensado quando seu sonhos se tornarem realidade.


LEIA TAMBÉM:

Como fazer um planejamento financeiro com a ajuda da tecnologia


Banner convidando para o Mobills

Gostou do artigo Como ficar rico? Saiba exatamente por onde começar! A sua opinião é muito importante para nós! Sugira novos temas, deixe seu comentário.

Comentários