Finanças Pessoais

Veja como economizar no presente do Dia das Crianças

Como economizar no presente do Dia das Crianças - Imagem principal

Veja como economizar no presente do Dia das Crianças 

Quando está chegando o Dia das Crianças, a preocupação com a compra de presentes normalmente aumenta, mas não há razão para desespero. Ainda é possível economizar e fazer a criançada feliz sem ter que extrapolar o orçamento.

Com bom senso, criatividade e autocontrole, a compra do presente de Dia das Crianças pode deixar de ser um problema, para se transformar numa oportunidade divertida de curtir com os pequenos.

Confira a seguir, algumas dicas dadas por especialistas para lhe ajudar a economizar na hora de comprar o presente do Dia das Crianças:

Como economizar no presente do Dia das Crianças

Bom planejamento, para saber o quanto poderá gastar

Antes de comprar o presente, faça um bom planejamento financeiro. Analise as contas já assumidas, considere a aproximação do final do ano e as despesas típicas de início de ano, como IPTU, IPVA, matrícula e material escolar, entre outras. 

Assim, você já saberá exatamente o quanto poderá gastar. “Antes de ir às compras,  os pais devem ter a consciência e a disciplina de saber se podem ou não comprar tal produto”, explica Reinaldo Domingos, educador financeiro e autor do livro “O menino e o dinheiro”.  

Leia mais:

Como elaborar um planejamento financeiro pessoal incrível em 13 passos

5 atitudes prejudiciais ao seu planejamento financeiro

Como fazer um planejamento financeiro com a ajuda da tecnologia

Faça uma pesquisa dos preços

Pesquise os preços na internet e em 3 ou 4 lojas físicas antes de se decidir.

O valor do produto pode variar muito de uma loja para outra, por isso é tão importante pesquisar o melhor preço com antecedência. Além disso, não tenha vergonha de pechinchar e pedir descontos.

Presente caro demais? Deixe para o Natal

Se a criança pediu um presente caro, veja a possibilidade de transferir esse desejo para o Natal. 

No fim do ano, recursos como férias, 13º salário, bônus, entre outros são incorporados ao orçamento e melhoram sua capacidade financeira.   

Cuidado com a provável mudança de preços

A maioria dos brinquedos e eletroeletrônicos possui componentes importados e, com a alta do dólar, eles podem ter ficado mais caros.

Veja se encontra o mesmo produto em lugares diferentes, pois algumas lojas podem ter estoques antigos e oferecer um preço melhor.  

Não se deixe levar pela emoção

É muito difícil negar o pedido de um filho, principalmente quando ele se comporta bem. No entanto, em alguns momentos, é necessário dizer não. Segundo Reinaldo Domingos, a conversa deve ser sempre a base de tudo. “Os pais devem sentar com a criança e contar que, para comprar o presente que ela quer, vão necessitar de uma quantia de dinheiro que eles não possuem nesse momento.”  

De acordo com a educadora financeira Roberta Omeltech, “os pais querem fazer para os filhos tudo o que, muitas vezes, não podem durante o ano. Pela data criada e pelo comércio, eles acabam tendo esse dia como regra de que precisam comprar os melhores presentes, gerando o consumo desenfreado“.

Evite levar as crianças nas lojas

Evite levar a criança até a loja, especialmente se ela estiver em dúvida sobre o presente que deseja ganhar. “Aproveite a data e faça uma surpresa, a chance de gastar mais quando as crianças estão junto é muito maior”, alerta Domingos.

Estratégia de negociação

É necessário ter consciência que a data é uma das mais rentáveis do ano para a indústria de brinquedos. Portanto, vá preparado para negociar.   

Tenha uma estratégia de negociação junto ao vendedor. “Chame o vendedor pelo nome, procure ser simpático e mantenha uma conversa agradável. Uma pessoa carismática tem mais chance de sucesso numa negociação”, ensina o educador financeiro.   

Pagamento à vista

Fazer o pagamento à vista provavelmente ajudará você a conseguir um desconto. Os lojistas dificilmente dão desconto se o pagamento for no cartão por causa das taxas administrativas que pagam para as administradoras.

Além disso, Roberta Omeltech afirma: “Em vez de comprar usando cartões ou cheques, use o dinheiro. Parece que, quando compramos com dinheiro, sentimos mais o impacto no bolso na hora de comprar e isso nos acende uma luz para economizar mais”.    

Veja também:

O que é mais vantajoso, comprar à vista ou parcelar?

8 estratégias para organizar as finanças pessoais

Como começar a economizar dinheiro hoje: 6 dicas fundamentais

Passeio em família

Diversas vezes, são os pais que se sentem na obrigação de dar um presente caro para o filho no Dia das Crianças.

Contudo, de acordo com consultores, trocar o presente por tempo em família pode ser um presente tão ou mais valioso para as crianças. Sendo assim, aposte em passeios divertidos como uma visita ao zoológico ou um piquenique no parque. “Às vezes, o presente caro é deixado de lado no mesmo dia, enquanto a lembrança do dia em família fica para a vida toda”, diz Domingos.   

Não faça novas dívidas

Se você já está endividado e não tem mais condições de assumir outra prestação no seu orçamento, opte por um plano B. “Essa é uma boa oportunidade para começar a ensinar o valor do dinheiro ao seu filho”, afirma o especialista em finanças pessoais. 

Curtiu nossas dicas sobre como economizar no presente do Dia das Crianças? Conhece alguma outra? Compartilhe conosco!

Gostou do artigo Veja como economizar no presente do Dia das Crianças? A sua opinião é muito importante para nós! Sugira novos temas, deixe seu comentário.

Comentários

Deixe um comentário