Gosta de comer fora? Veja como economizar nas saídas!

Banner convidando para conhecer o sistema Mobills Web

Você adora comer fora? Isso não é surpresa nenhuma, todo mundo gosta. Mas é surpreendente quanto dinheiro gastamos quando vamos em um restaurante, se compararmos ao gasto de fazer comida em casa.

Por um lado, sabemos que é mais barato comprar e preparar a nossa comida em casa. Por outro lado, os restaurantes são tão convenientes – para não mencionar o sabor delicioso da comida.

Em muitos livros e artigos sobre como economizar dinheiro, um conselho comum sobre jantar fora é simplesmente: “Não faça isso”. Afinal, para obter lucro, um restaurante geralmente tem que cobrar cerca de quatro vezes mais por um prato  do que pagou pelos ingredientes.

Então, mesmo que você não consiga comprar os ingredientes tão baratos quanto o restaurante consegue com os fornecedores, você ainda pode pagar menos cozinhando por conta própria.

Do ponto de vista prático, esse conselho faz todo o sentido – mas não é muito divertido. Sempre tem aquele dia agitado e estressante, quando a gente volta para casa do trabalho e simplesmente não consegue enfrentar a ideia de cozinhar.

Em momentos como esse, ser capaz de sair para uma boa refeição, ou mesmo pedir uma pizza, é um alívio e tanto.

Além disso, para muitos de nós, comer fora com amigos é uma das principais formas de socializar. Não é divertido ter que recusar todos os convites para jantar, curtir um happy hour ou tomar um café porque não se encaixa no seu orçamento pessoal.

E se você é o único a recusar esses convites, você pode acabar ficando fora de contato com seu grupo social rapidamente.

Como comer fora e não estourar o orçamento?

pessoas reunidas comendo hamburguer

Felizmente, há maneiras de aproveitar um jantar fora ocasionalmente, e sim, sem jogar seu orçamento para uma completa desordem. Você pode manter os gastos sob controle fazendo escolhas estratégicas sobre onde, quando e o que comer.

Saia mais cedo

O Happy Hour é um ótimo momento para se deliciar com a comida também. Normalmente, os restaurantes oferecem porções menores para coincidir com as suas bebidas, você pode aproveitar esses petiscos por um preço bem mais acessível.

Ignore o café, o chá e o refrigerante

Já percebeu que a bebida chega antes mesmo do prato ser servido? Muitas vezes você já terminou toda sua bebida logo na entrada e vai ter que comprar outra quando o prato principal vier, essa é uma tática comum no restaurantes.

Você está saindo pela comida, não pelo refrigerante, então recuse a bebida até que o prato principal chegue, ou se preferir, peça água como acompanhamento.

Se sirva

Em restaurantes de shopping por exemplo, você pode fazer seu pedido direto no balcão ou no caixa, dessa forma você dispensa o serviço do garçom e economiza com a taxa de 10% ou gorjetas que você normalmente pagaria, o mesmo vale para restaurantes fast-food e self-service, que além dessa vantagem também normalmente possuem um preço fixo, uma boa dica para economizar.

Ignore a entrada

Você está com tanta fome assim que não pode esperar pelo prato principal? Desculpa esfarrapada, se você está assim com tanta fome o melhor a fazer é justamente pedir o prato principal, você vai economizar alguns reais pulando a batata frita.

Embrulha pra viagem?

Outra maneira de economizar é comer em casa – não necessariamente cozinhando sua própria refeição, mas fazendo o pedido em seu restaurante favorito.

Por exemplo, em um restaurante próximo a sua casa você pagaria 35 R$ por um sanduíche, batata e um refrigerante, mas se você pedir para viagem apenas o sanduíche, esse valor iria cair e o refrigerante você pode comprar em um supermercado onde o valor é mais baixo.

Assista o jogo em casa

É fã de esportes? Seja futebol, luta ou a galera tá combinando de sair para assistir o último episódio de Game of Thrones? Então, assista em casa, onde os lanches podem até já estar comprados, ou ao alcance de uma panela e um milho de pipoca. Se você sair, é provável que você acabe assistindo, comendo e gastando sem pensar.

Aproveite os programas de fidelidade

Alguns restaurantes possuem seus próprios programas de fidelidade ou desconto, como uma cartelinha que quando você completa dez refeições você ganha uma de graça, apenas tenha certeza de que você realmente gosta da comida que eles oferecem.

Comemore seu aniversário

Muitos restaurantes têm uma promoção especial de aniversário e na maioria das vezes tudo o que você precisa fazer é se cadastrar no site do restaurante, e quando seu aniversário se aproxima, você recebe um cupom por e-mail para uma bebida gratuita, uma sobremesa ou, possivelmente, uma entrada, alguns até oferecem um lanche inteiro gratuito, caso você leve uma quantidade mínima de amigos.

Hora de dividir

Em muitos restaurantes, a quantidade de comida que vêm em um prato é muito mais do que o que você precisa. Se você terminar o prato inteiro, você está comendo demais, e se você deixar a metade, está desperdiçando comida. E de qualquer forma, você está pagando por mais do que você precisa.

Uma maneira de contornar esse problema é dividir uma refeição com um amigo. Em alguns restaurantes, você pode simplesmente pedir um prato principal e um prato de entrada e dividir a refeição quando chegar.

Leve para casa

Outra maneira de lidar com grandes porções de comida é dividir a refeição – não com um amigo, mas em duas refeições para você. Em vez de comer tudo no momento em que está no restaurante, pare quando estiver cheio e peça para que embalem o que sobrar. Dessa forma, o jantar da noite pode virar o almoço de amanhã.

Pesquise online antes de comer fora

A maioria dos restaurantes tem seu cardápio disponível nas redes sociais ou em seus sites, isso permite que você possa escolher um lugar com pratos baratos que você gosta e não chegar no restaurante e tomar um susto com os preços.

Caso o cardápio do restaurante que você quer ir não esteja disponível online, você pode procurar em sites como o 4squared, onde tem avaliações dos usuários, essas avaliações muitas vezes contam com os preços.

Peça o especial do dia

Muitas vezes, o especial do dia em um restaurante é muito mais barato do que os outros pratos principais, isso é muito comum especialmente em fast foods, onde cada dia da semana já tem um especial demarcado nas redes da franquia.

Peça uma pizza

Se o seu objetivo é apenas se livrar da tarefa de cozinha, peça pizza para entrega. Algumas pizzas podem alimentar até quatro pessoas por um valor muito baixo, bem menos do que comer fora.

E para tirar o melhor proveito disso, que tal aproveitar as promoções que os aplicativos de entrega tem a oferecer?

Você pode ganhar descontos no Rappi com os diversos cupons que eles oferecem e convidando amigos. Para ganhar R$ 150,00 de frete utilize o código: 4za3547426 na sua primeira compra.

Você pode ganhar descontos no Glovo com os diversos cupons que eles oferecem e convidando amigos. Para ganhar R$ 10,00 utilize o código: 1685RAL na sua primeira compra.

Concluindo

Comer fora é um prazer divertido que você provavelmente não deseja cortar do seu orçamento. Mas se você quer reduzir, estas dicas acima são algumas ótimas maneiras de equilibrar a situação. Em vez de jantar fora o tempo todo, passe algum tempo planejando onde você vai e o que você irá pedir quando chegar lá.

Quanto menos você gastar, mais você pode economizar para outros objetivos.

Não há como evitar: não importa o quanto você tente economizar, as refeições em um restaurante não são tão baratas quanto refeições caseiras. Então, se você está tentando viver um estilo de vida simples, você não vai comer fora o tempo todo.

Mas uma refeição deliciosa, completa, definitivamente pode valer a pena para uma ocasião especial. E quanto mais você consegue economizar no custo de jantar, mais frequentemente você pode sair novamente.

Com que frequência você come fora? Quais estratégias você usa para controlar o custo?

LEIA TAMBÉM:

Aprenda como desenvolver a inteligência emocional nas finanças

Comentários