Brechó online: 29 alternativas para quem quer economizar na compra de roupas!

Quem não gosta de comprar itens seminovos e bem conservados por preços bem abaixo do mercado? 

Ou, melhor, se desfazer de peças que não usa mais e ganhar uma grana extra no processo?

Essas são algumas das muitas vantagens de investir em brechós online, tanto para compra como para venda de produtos!

Por isso, no artigo de hoje, vamos explicar tudo sobre brechó online, mostrar várias opções para os mais diversos públicos e ainda te dar dicas caso você queira montar seu próprio brechó.

Ficou interessado? Então, não deixe de ler o texto até o final, tenho certeza que você vai achar interessante.

E, se gostar, lembre-se de compartilhar com seus amigos e familiares através das redes sociais.

Sem mais delongas, vamos pro conteúdo!

O que é brechó?

Brechós são lojas de artigos usados (em alguns casos, vendem artigos novos também) que normalmente praticam preços bem abaixo do mercado. 

Dessa forma, podem ser uma boa opção para quem está buscando itens de alta qualidade por um preço camarada! 

A ideia dos brechós é muito interessante porque, além de incentivar o consumo sustentável, ajuda nas suas finanças.

Afinal, economizar é sempre bom.

Por isso, separamos alguns brechós online para que vocês possam aproveitar na comodidade do seu lar as vantagens citadas acima.

Classificamos os principais brechós online do Brasil em categorias, confira a seguir.

Brechó infantil online

Roupas, acessórios e brinquedos de crianças são itens altamente mutáveis em um curto período de tempo e, pior, caros.

Eles deixam de servir com uma facilidade impressionante!

Algumas vezes, a criança ganha estes itens em aniversários e nem chega a usar.

Ou porque não gostou do brinquedo e quase não usou, ou porque eram muitas roupas e sapatos novos de uma vez, e quando fomos ver já estavam perdidos!

Sendo assim, o que fazer para evitar o desperdício? Ou para economizar uma graninha comprando itens infantis praticamente novos?

Buscar os brechós para trocar, vender ou comprar!

Lista de brechó online infantil

  • Segunda Mãozinha: é um guia de brechós infantis do Brasil todo. Lá, você encontra roupas, calçados, acessórios, móveis e brinquedos. 
  • Maria Chiquinha Brechó: localizado originalmente no Rio de Janeiro, esse brechó faz vendas online para todo o país. Itens como babás eletrônicas, carrinhos de bebê, berços e outros podem ser comprados, além de roupas e brinquedos.
  • Ficou Pequeno: nessa loja virtual, os interessados em vender podem achar consumidores interessados. Basta fazer o cadastro no site e anunciar. Bem parecido com a OLX, mas nesse caso apenas para produtos infantis.
  • Adoleta Brechó: situado em Curitiba-PR, esse brechó tem um sistema interessante de peças em consignação. Você pode levar suas peças para avaliação e deixar que o Adoleta as venda para você, por um preço calculado por eles, recebendo 50% do valor da venda. Para saber mais, acesse o site! Já para comprar, não tem restrição. Basta escolher os itens e pagar, que em poucos dias eles chegam na sua casa.
  • Nenê Cresceu: com a mesma sistemática da Ficou Pequeno, na Nenê Cresceu você cria sua lojinha e vende seus produtos para todo o Brasil!
  • Joaninha: contando com artigos de moda praia, brinquedos, roupas e calçados, esse brechó trabalha apenas com grandes marcas e entrega em todo o território nacional.

O que fazer para ganhar dinheiro rápido? Veja 33 ideias de coisas fáceis de vender!


Brechó online feminino

  • TROC: tem uma sistemática parecida com a da Adoleta, citada no tópico anterior. Porém, nesse brechó é possível enviar suas peças para análise gratuitamente pelos correios. Após a precificação, você aprova ou não a venda de seus produtos e recebe uma comissão variável a depender do preço de venda da peça. A TROC trabalha com peças femininas e infantis.
  • Garimpário: com uma diversidade incrível de roupas, acessórios e calçados femininos e masculinos este brechó é um dos maiores do Brasil.
  • I Need: propõe um novo olhar sobre as roupas de brechó, investindo, inclusive, em peças internacionais garimpadas em outras lojas do gênero ao redor do mundo.
  • Enjoei: através de lojinhas virtuais, criadas por pessoas que querem se desapegar de alguns itens, é possível comprar e vender no Enjoei de forma fácil e prática.
  • Arara Garimpo: com opções femininas, masculinas e infantis, esse brechó online apresenta vários filtros para facilitar a busca em seu grande acervo, como: categoria, tamanho, marca, cor, entre outros.
  • Repassa: com itens femininos, masculinos e infantis, esse brechó conta com diversas marcas famosas e oferece preços tentadores.

Como ganhar dinheiro extra? Veja 27 maneiras comprovadas!


Brechó online masculino

Se você estava atento ao texto, percebeu que muitos dos brechós online citados acima já oferecem opções de peças para homens.

Contudo, existem os brechós especializados nesse público, como:

  • Boss Brechó: é especializada em artigos masculinos e conta com uma grande variedade de itens super na moda.
  • DW Brechó Premium: trabalha com artigos de grifes masculinas para oferecer o melhor em qualidade e preço para seus clientes.

15 Aplicativos para ganhar dinheiro e lucrar no seu tempo livre


Brechó de bebê online

  • Brechó Bebê: nesta loja, você encontra desde livros até móveis para o seu bebê!
  • Baby Chic Bazar: usa o modelo de marketplace. Assim, os produtos encontrados no site são disponibilizados e entregues por anunciantes interessados em vender itens que já não tem utilidade para si.
  • Bye Back: vende peças próprias e em consignação. Entretanto, para consignar peças, é preciso ir até a loja física que fica em São Paulo. Por outro lado, as vendas ocorrem para todo o Brasil.
  • Treco do Bebê: esse brechó não trabalha com consignação, mas faz trocas. Dessa maneira, é possível pagar por produtos que te interessam a partir de itens que você não utiliza mais. Vale ressaltar que a Treco do Bebê trabalha com uma extensa gama de produtos infantis.

Cashback: entenda como funciona e veja 17 sites/apps para recuperar o seu dinheiro!


Brechó de luxo online

  • Etiqueta Única: trabalhando com diversas marcas nacionais e importadas, esse brechó traz artigos de luxo com descontos incríveis. Se você se interessa em repassar algum artigo de luxo, clique aqui e veja como fazer.
  • Recicla Luxo: apostando em marcas como Valentino, D&G, Gucci, Versace, entre outras, esse brechó acredita que chique mesmo é utilizar o consumo consciente e arrasar. Lembrando que 100% da renda arrecadada com as vendas é revertida para associações beneficentes parceiras.
  • Peguei Bode: esse brechó de luxo, além de roupas e acessórios, também conta com itens para casa. 
  • Madame Recicla: foi um dos pioneiros no mercado de brechós de luxo, a loja online foi criada em 2011 e hoje conta com mais de 90 mil seguidores nas redes sociais.
  • Andrea Venturo: esse brechó aposta mais em acessórios como bolsas, carteiras, sapatos, relógios, óculos e, até mesmo, jóias.
  • Sonhalizei: com bolsas que chegam a quase a R$ 50 mil, esse bazar de luxo oferece uma grande diversidade de marcas e itens!

Precisando de dinheiro urgente? Veja as 15 melhores empresas de empréstimo online!


Brechó online vintage

  • Reuse: 100% voltado para o público feminino e moda vintage, no Reuse você encontra peças nacionais e importadas.
  • Mila Vintage: com um acervo totalmente voltado para mulheres, esse brechó online reúne peças lindas e estilosas.
  • Dos Flamingos: com opções para o público feminino e masculino, a “Dos Flamingos” busca sempre trazer o que há de melhor no mundo dos brechós pros seus clientes.
  • Cabide Vintage: para você que curte até mesmo lingeries vintages, não há melhor lugar para comprar suas peças retrô.

Controle de gastos pessoais: 5 dicas para não perder dinheiro


Como montar um brechó online

Depois de ver todas essas opções de brechós, bate até uma vontade de fazer um também, né?!

Por isso, separamos alguns passos para quem quer ingressar no mundo dos brechós online. Confira cinco dicas para obter êxito nessa empreitada.

1. Selecione os artigos que serão vendidos

Primeiramente, é preciso saber em qual categoria você deseja que seu negócio se encaixe: artigos infantis, roupas, acessórios, casa, móveis e até livros são opções neste ramo.

A orientação principal aqui é começar devagar e ir diversificado com o tempo.


Empreendedorismo: tudo o que você precisa saber para se tornar um empreendedor de sucesso


2. Defina o modo de venda

Há vários modos de vender coisas na internet. No caso dos brechós, não é diferente. Algumas opções são:

  • Redes sociais (Instagram, Facebook, Grupos no Whatsapp, entre outros): criar contas e divulgar os produtos é uma ótima opção. Existem, ainda, grupos específicos para venda de determinados produtos, onde é possível divulgar de forma gratuita seus artigos.
  • Marketplaces: nas categorias citadas no texto, várias vezes esse modelo aparece. Outros sites como OLX e Mercado Livre também são opções, entretanto, menos segmentadas do que os sites voltados para brechós. 
  • Site/aplicativo próprio: para quem quer investir mesmo nos brechós como uma forma de negócio é uma ótima opção. O site pode ser em formato de marketplace ou loja singular.

9 dicas fundamentais para quem quer saber como iniciar um negócio próprio


3. Seja atrativo

Para vender na internet, é preciso que a qualidade das imagens e as descrições sejam bem feitas.

Assim, o comprador pode ter uma maior segurança ao selecionar o item e menor probabilidade de se decepcionar.

Por exemplo, se a foto não for tirada com uma boa luz e contra uma superfície que destaque bem o produto, a cor ou um detalhe podem passar despercebidos e serem motivo de chateação por parte do cliente que imaginou outras características.

O estado de conservação das peças e a sinceridade nas descrições também ajudarão a cativar os clientes.


20 fatores importantes para ajudar você a montar um negócio de sucesso


4. Programe a entrega

Se a venda é online, é preciso que se tenha um modelo certo para a retirada do produto.

Você pode dar opções para os clientes a depender do nível de abrangência do seu brechó.

Por exemplo, se escolher vender apenas na sua cidade, pode contratar serviços de aplicativos de entrega, entregadores particulares ou estabelecer locais de retirada.

Caso decida vender a nível nacional, a estratégia já precisa ser mais bem elaborada, oferecendo, por exemplo, valores mínimos para frete grátis e uma ferramenta que facilite o cálculo do frete.

Muitas vezes, a venda deixa de ser fechada pela falta de clareza do vendedor.


Quer empreender? Veja 15 ideias de negócios para abrir em casa!


5. Planeje como repor estoque

Se seu intuito for apenas vender ou trocar itens inúteis para você, desconsidere esse passo.

Agora, se o seu objetivo é fazer do seu brechó um negócio com rotatividade, esse ponto é crucial.

O seu negócio pode até começar com apenas peças suas ou doadas por pessoas próximas para te ajudar, mas ele não pode depender apenas dessas duas fontes para se manter.

É preciso pensar em uma estratégia para ter sempre produtos disponíveis para venda.

Nesse sentido, algumas táticas são:

  • Garimpar: buscar em lojas físicas itens que se enquadrem no perfil do seu brechó.
  • Compra ou consignação: comprar peças de terceiros ou pegar peças em consignação. Neste caso, o pagamento só é feito quando a peça é vendida.
  • Parcerias: entrar em contato com brechós da sua cidade que não possuem lojas virtuais e estão por fora da tecnologia, oferecendo seus serviços para vender as peças online em troca de uma comissão.

É necessário, ainda, estabelecer uma política de avaliação de peças e de percentuais de participação em consignações e de comissões.

Deve se, também, definir se o brechó trabalhará apenas com determinadas marcas, como é o caso dos brechós de luxo, ou seja, definir um público-alvo.

Conclusão

Brechós, além de uma ótima opção de negócio, também são uma maneira de economizar e, de quebra, praticar o consumo consciente e a preservação dos recursos naturais.

Se você está buscando novas maneiras de poupar dinheiro para conseguir uma folga maior no seu orçamento ou pensando em investir nessa área, tenho certeza que este artigo foi proveitoso para você.

Contudo, caso esteja buscando brechós online porque quer economizar, talvez você precise de uma ferramenta mais completa para te ajudar nesse objetivo.

Nesse sentido, aconselho que você comece a utilizar o Mobills.

Com o nosso aplicativo, você conseguirá organizar suas finanças e saber com clareza em quais áreas focar para conseguir juntar mais dinheiro ou de quanto você dispõe para investir em um negócio próprio, por exemplo.

View this post on Instagram

QUER EMPREENDER? ⠀ Não é fácil montar um pequeno negócio. Você precisa pensar em uma ideia de negócio única, projetar uma carreira que tenha flexibilidade para crescer com você e trabalhar para conseguir sua tão sonhada independência financeira. ⠀ E mesmo fazendo tudo isso, ainda existem pequenas empresas que não estão se desenvolvendo com sucesso. Então, é bastante desafiador quando você decide mergulhar de cabeça e se tornar um pequeno empresário. ⠀ Por isso, listamos alguns passos de como montar um pequeno negócio e ter sucesso, assim, você estará no caminho certo e se tornará bem-sucedido. ⠀ 1.Faça uma pesquisa. 2.Faça um plano de negócios. 3.Planeje suas finanças. 4.Escolha e registre seu nome comercial. 5.Obtenha licenças e permissões. ⠀ Animado para criar o seu próprio negócio? Estamos torcendo por você! ⠀ Lembre-se, antes de tudo, de organizar suas finanças. ⠀ Afinal, você precisará de dinheiro e de que seu orçamento esteja saudável para não se endividar nem entrar em falência. ⠀ Siga @mobillsedu e @mobillsapp ⠀ 👉Se inscreva na nossa lista VIP do nosso curso PLANEJAMENTO FINANCEIRO NA PRÁTICA e garanta 50% de desconto já na inscrição, entre outros benefícios. LINK NA BIO. 😎 Marque um amigo para ver esse post. ❤ Se gostou, deixe seu like e comentário, isso é muito importante para nós. ⠀ #mobillsedu #educaçãofinanceira #empreender #empreendedorismo #negocio #ganhardinheiro #dinheiro #mentalidadedesucesso #mentalidademilionaria #planejamentofinanceiro #inteligenciafinanceira #financas #cursosonline ⠀

A post shared by Mobills Educação Financeira (@mobillsedu) on


LEIA TAMBÉM:

Como montar um pequeno negócio em 10 passos


Banner convidando para o Mobills